Tensão! Cortes no Bolsa Família afetarão 70 mil pessoas em Campo Grande

De acordo com a prefeitura municipal de Campo Grande, 70 mil pessoas podem ser punidas com cortes no Bolsa Família. O motivo é descumprimento de uma das principais regras que garantem a continuidade do depósito do benefício. Quem estiver na mira da suspensão tem até hoje (28) para se regularizar.

Tensão! Cortes no Bolsa Família afetarão 70 mil pessoas em Campo Grande
Tensão! Cortes no Bolsa Família afetarão 70 mil pessoas em Campo Grande (Imagem: FDR)

Os cortes no Bolsa Família são mais corriqueiros do que se imagina. Por outro lado, são a última e mais grave penalidade aplicada ao beneficiário. Quando o titular já foi advertido sobre uma regra descumprida e ainda assim não buscou a regularização, o governo excluí o seu cadastro permanentemente.

Quais pessoas sofrerão com os cortes no Bolsa Família?

De acordo com as informações compartilhadas pela prefeitura de Campo Grande, os cortes no Bolsa Família deverão atingir os titulares que:

  • Estão com acompanhamento de saúde desatualizado, o que incluí:
    • crianças com vacinação atrasada;
    • crianças até sete anos que não fizeram a medição de peso e altura neste semestre;
    • mulheres entre 14 e 44 anos, idade fértil, que não fizeram a medição de peso e altura;
    • gestantes que estão com pré-natal atrasado, ou que sequer deram início as consultas.

Ao todo, há 111.020 beneficiários do programa em Campo Grande que precisam fazer o acompanhamento de saúde. Mas apenas 36% cumpriram com a sua obrigação, o que significa que 70 mil pessoas estão pendentes.

Como regularizar o cadastro para não ser cortado do Bolsa Família?

Titulares responsáveis por crianças até 7 anos, e gestantes que estão com o acompanhamento de saúde atrasado, deverão procurar uma UBS (Unidade Básica de Saúde).

Existem 74 unidades disponíveis na cidade de Campo Grande, onde os interessados poderão passar por avaliação nutricional, vacinação e pré-natal.

Mas é preciso estar atento ao prazo, este acompanhamento deve ser realizado até hoje, 28 de dezembro. Caso contrário serão inclusos nos cortes no Bolsa Família. Será preciso levar até o posto de saúde:

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]