Como segurado acamado faz a perícia do INSS? Confira maneira de solicitar o benefício

Segurado acamado não precisa comparecer nas agências para fazer a perícia do INSS. Mas, o procedimento deve ser feito através dos documentos que comprovem a situação. Veja como entregá-los ao Instituto.

Como segurado acamado faz a perícia do INSS? Confira maneira de solicitar o benefício
Como segurado acamado faz a perícia do INSS? Confira maneira de solicitar o benefício (Imagem: FDR)

Sabia que não é preciso ir até uma agência para fazer a perícia do INSS? Isso mesmo, o segurado acamado pode ter acesso ao benefício por incapacidade sem precisar se deslocar. Mas, é necessário seguir os procedimentos exigidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social.

Benefício do INSS para pessoas acamadas

  • Nessas situações é necessário que um representante compareça na agência no lugar do segurado.
  • Na ocasião ele terá que apresentar documentação que comprove a impossibilidade de locomoção do segurado.
  • Nesses casos é necessário fazer o agendamento da perícia normalmente, mas, o representante que irá comparecer.
  • Além dos documentos médicos também é necessário apresentar os documentos pessoais do segurado.
  • A partir dessa documentação o médico perito vai determinar se a situação cabe a perícia externa.
  • Que poderá ser domiciliar, hospitalar ou em outro local, incluindo outro município.
  • A perícia médica é necessária para receber algum dos benefícios por incapacidade, seja o temporário (antigo auxílio-doença) ou o permanente (aposentadoria por invalidez).
  • Essa é uma alternativa para quem precisa de cuidados/suporte constantes ou para quem não tem condições de ir até a agência.
  • Inclusive, essa informação está sempre presente no comprovante de agendamento desses benefícios.
  • O INSS ainda informa que não é necessário que o segurado vá para a perícia em maca.
  • Afinal, isso coloca em risco a sua integridade física e o expõe diante das demais pessoas que estarão na agência.
  • Além disso, dependendo da sua situação de saúde, essa exposição poderá agravar a situação, o que não é desejado.

O Instituto Nacional do Seguro Social tem uma página com orientações sobre o representante legal.

 

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.