Novas regras de aposentadoria pelo INSS frustram os trabalhadores em fim de carreira

Em vigor desde 2019, a Reforma da Previdência tem alterado anualmente as regras de aposentadoria pelo INSS. No próximo ano, novas mudanças deverão ser enfrentadas pelos trabalhadores que almejam o benefício.

Novas regras de aposentadoria pelo INSS frustram os trabalhadores em fim de carreira
Novas regras de aposentadoria pelo INSS frustram os trabalhadores em fim de carreira. (Imagem: FDR)

A partir de 2024, os trabalhadores formais do país deverão precisar obedecer a novos critérios para conseguir a aposentadoria. Entre eles, a mudança na idade mínima e no tempo de contribuição.

Saiba mais sobre as regras para aposentadoria pelo INSS em 2024:

  • A mudança faz parte do período de transição da Reforma da Previdência;
  • Até o ano de 2033, as regras serão atualizadas constantemente até atingirem o objetivo definido pela reforma;
  • No próximo ano, a idade mínima para aposentadoria será modificada para homens e mulheres;
  • No caso dos homens, eles só poderão se aposentar pelo INSS ao completarem 63 anos e 6 meses;
  • Já as mulheres conseguirão obter a aposentadoria ao completar 58 anos e 6 meses;
  • A cada ano, essa idade será aumentada em seis meses;
  • Objetivo final é atingir a idade mínima de 65 anos para os homens e 62 para as mulheres;
  • Outra mudança é com relação ao tempo mínimo de contribuição;
  • Para eles, o período deverá ser de 35 anos;
  • Já para as mulheres, contribuição mínima deverá ser de 30 anos;
  • Mudanças são válidas para os trabalhadores que iniciaram a atividade formal após a aprovação da Reforma da Previdência;
  • Para os demais, a regra de transição prevê um sistema de pontos;
  • Por meio dele, o INSS realiza a soma da idade do trabalhador e do tempo de contribuição;
  • Cada ano é equivalente a um ponto;
  • No próximo ano, as mulheres que atingirem a soma de 91 pontos terão direito a aposentadoria;
  • Enquanto para os homens, será preciso atingir o total de 101 pontos.

Confira outros detalhes sobre as regras de aposentadoria do Instituto Nacional do Seguro Social neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.