INSS muda o sistema de pontos para a aposentadoria em 2024; saiba como funcionará

A aposentadoria é um momento esperado por muitos trabalhadores brasileiros. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), órgão responsável por atender as necessidades sociais e previdenciárias, está sempre se atualizando para melhorar a relação com os seus contribuintes. Veja.

INSS muda o sistema de pontos para a aposentadoria em 2024; saiba como funcionará
INSS muda o sistema de pontos para a aposentadoria em 2024; saiba como funcionará. Imagem: FDR

Uma nova medida é a mudança do sistema de pontos para a aposentadoria de 2024. Ela faz parte da transição da legislação que rege as aposentadorias e pensões concedidas pelo INSS.

Agora, para conseguir o benefício, o sistema utilizado pelo órgão do governo federal leva em consideração a soma da idade do trabalhador e o tempo de contribuição.

As regras de transição permanecem em vigor até 2033. Período foi estabelecido como uma forma realizar uma mudança gradual no sistema do INSS. Vale lembrar que, para trabalhadores que já possuíam o direito a aposentadoria antes da Reforma, ainda é possível se aposentar com base nas regras anteriores.

Entenda o sistema de pontos do INSS

O cálculo do benefício é realizado da seguinte forma:

  • Cada ano de contribuição representa um ponto;
  • Enquanto cada ano de idade do trabalhador acrescenta outro ponto;
  • Em 2023, mulheres devem atingir o mínimo de 88 pontos para ter direito a aposentadoria;
  • Já para homens, a soma deve ser de 98 pontos;
  • Pontuação varia a cada ano e está prevista nas regras de transição da Reforma da Previdência;
  • Valor que será recebido pelo trabalhador também varia de acordo com o total de pontos no momento da solicitação da aposentadoria;
  • Pedido de aposentadoria pode ser aberto em agências do Instituto Nacional;
  • Outra forma de realizar a solicitação é online, por meio do aplicativo ou site do INSS, que está disponível neste link;
  • Ao acessar a plataforma, o trabalhador deverá selecionar a opção novo pedido e clicar em aposentadoria;
  • Em seguida, ele deverá inserir os dados solicitados e aguardar a análise do Instituto.

Vittoria Fialho
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já esteve como repórter no Diario de Pernambuco e no Portal NE45 Minutos. Nos veículos, fez parte das editorias de redes sociais e esportes. Também acumula experiência na assessoria de imprensa do Clube Náutico Capibaribe. Suas redes sociais são: @vtfialho e [email protected].