PRORROGADO! Desenrola Brasil aumenta prazo para renegociação de dívidas; saiba até quando

Brasileiros ganharam mais uma chance de renegociar suas dívidas com o Desenrola Brasil. o Governo deve prorrogar o programa que seria encerrando ainda neste ano. Plataforma continua disponível para renegociação.

PRORROGADO! Desenrola Brasil aumenta prazo para renegociação de dívidas; saiba até quando
PRORROGADO! Desenrola Brasil aumenta prazo para renegociação de dívidas; saiba até quando (Imagem: FDR)

O programa tem sido um grande sucesso, segundo os dados oficiais, 72 mil pessoas já usaram o Desenrola Brasil para renegociar suas dívidas. Com ele é possível ter acesso a descontos sobre o valor total da dívida que podem chegar a 99%.

Desenrola Brasil é prorrogado

  • A notícia sobre a prorrogação foi confirmada pelo secretário de Reformas Econômicas do Ministério da Fazenda, Marcos Barbosa Pinto.
  • Segundo ele, o Governo Federal deve enviar uma Medida Provisória ao Congresso já na próxima semana.
  • A ideia é estender o Desenrola Brasil por mais três meses.
  • Além disso, o Governo também pretende eliminar a necessidade da conta gov.br de nível prata ou ouro para acesso à renegociação.
  • O secretário afirmou que o Governo está em conversa com os bancos e a B3, responsável pela plataforma, para a criação de um sistema que seja seguro e substitua a conta.
  • Outra possibilidade estudada é manter a plataforma no ar mesmo após o encerramento dos prazos.
  • Nesse caso, a plataforma do Desenrola iria funcionar sem a garantia do Fundo Garantidor de Operações (FGO).
  • Caso seja mantida, os credores poderão continuar utilizando o sistema para fazer as renegociações com os consumidores.

Desenrola Brasil

  • Atualmente o programa está na sua 3ª fase.
  • São renegociadas as dívidas com valores entre R$ 5 mil e R$ 20 mil.
  • É importante que as dívidas tenham sido negativadas entre 2019 e 2022.
  • Para usar o programa atualmente é necessário ter umarenda de até dois salários mínimos ou inscritas no CadÚnico.
  • O percentual médio de desconto é de 83%, mas, os credores oferecem redução de até 99% sobre o valor da dívida.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.