Governo anuncia programa voltado para oportunidades de emprego aos inscritos no CadÚnico

Programa que será lançado pelo MDS vai oferecer oportunidades de emprego para aqueles que estão inscritos no CadÚnico. Cadastro foi criado inicialmente para dar acesso a diversos programas, como o Bolsa Família.

Governo anuncia programa voltado para oportunidades de emprego aos inscritos no CadÚnico
Governo anuncia programa voltado para oportunidades de emprego aos inscritos no CadÚnico (Imagem: FDR)

O Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) vai lançar uma importante iniciativa. O programa, que será chamado de “Redução da Pobreza”, vai oferecer oportunidades de emprego para aqueles inscritos no CadÚnico.

Programa vai oferecer oportunidades de emprego para inscritos no CadÚnico

  • As vagas de emprego serão oferecidas através do portal br, criado pelo Governo Federal.
  • Ao acessar o sistema os inscritos no CadÚnico poderão conferir as oportunidades de trabalho na sua localidade que atendem ao seu perfil e poderão se candidatar.
  • Após a candidatura o setor de RH das empresas entrará em contato com o candidato para a convocação do processo seletivo.
  • Além disso, o programa Redução da Pobreza também deve contribuir com os microempreendedores inscritos no Cadastro Único através de treinamentos focados na formalização.
  • Esses treinamentos acontecerão em parceria com o SEBRAE, entidade voltada ao empreendedorismo.
  • A plataforma, segundo o MDS, foi criada internamento e sem gastos adicionais.

Como se inscrever no Cadastro Único para programas sociais?

O cadastro foi criado para possibilitar o acesso a programas sociais, veja quais fazem uso dele. Para fazer o seu, siga os passos abaixo:

  • Procure um CRAS ou posto do Cadastro Único do seu município ou região
  • Apresente a documentação necessária.
  • Responda às perguntas da entrevista de cadastramento.
  • Após a entrevista acontecerá a confirmação do cadastramento e será atribuído um número NIS para cada membro da família cadastrado.
  • Depois dessas etapas, você pode conferir o seu cadastro através do site oficial.

Para o cadastro é necessário apresentar os seguintes documentos:

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • CPF;
  • Carteira de Identidade – RG;
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor;
  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI) – somente se a pessoa for indígena.

Lembrando que esses documentos devem ser de todos os membros do grupo familiar.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.