Inscritos no Cadastro Único comemoram empregos anunciados pelo Governo

Criado para funcionar como um cadastro unificado de benefícios sociais, o CadÚnico reúne as informações das famílias brasileiras que vivem em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Buscando auxiliar a geração de renda para esse público, o Governo Federal deverá lançar um programa de empregos para essa população.

Inscritos no Cadastro Único comemoram empregos anunciados pelo Governo
Inscritos no Cadastro Único comemoram empregos anunciados pelo Governo. (Imagem: FDR)

A medida, que ainda está em análise, deverá funcionar por meio da parceria com diversas empresas presentes no Brasil. Em conjunto, elas oferecerão vagas de emprego formal para brasileiros inscritos no CadÚnicoA iniciativa contará com a administração do Governo Federal e o apoio de grandes instituições.

Confira os detalhes do novo programa do CadÚnico:

  • O programa deverá ser batizado de “Redução da Pobreza”;
  • A iniciativa estará na alçada do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, que também é responsável pela administração de outros programas sociais;
  • O objetivo principal será a redução dos índices de desemprego no país;
  • Empresas como o sistema S, que engloba o Sesc, Senai e Senac, o Carrefour, Coca-Cola e o Grupo Mateus já manifestaram o interesse pela iniciativa;
  • As vagas de emprego que serão geradas para o programa deverão estar disponíveis por meio da plataforma Gov BR;
  • Os cidadãos interessados poderão se candidatar online;
  • Em seguida, a empresa deverá analisar o perfil que mais se enquadra na função oferecida;
  • Em seguida, ela será responsável pelo andamento dos trâmites legais;
  • A medida deverá auxiliar a independência financeira das famílias inscritas no CadÚnico;
  • Além disso, a iniciativa ajudará a promover uma redução do desemprego do país e uma maior movimentação da economia;
  • Outra vantagem estará na redução do comprometimento dos cofres públicos;
  • Com o aumento da renda, gastos com os programas sociais de transferência deverão ser reduzidos como o Bolsa Família.

Confira outras informações sobre o cadastro unificado de programas sociais do Governo Federal neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.