Black Friday se mantém no final de semana e shoppings mudam seus horários

Black Friday prolongada! Diferente do mercado norte-americano no qual as ofertas realmente são liberadas em uma única data, no Brasil, acontece uma semana de promoções. Logo, os descontos serão mantidos nos shoppings neste sábado e domingo, 25 e 26, respectivamente. 

Black Friday se mantém no final de semana e shoppings mudam seus horários
Black Friday se mantém no final de semana e shoppings mudam seus horários. (Imagem: FDR)

Em entrevista ao portal Correio 24 Horas, a gerente de marketing do shopping da Bahia, Thays Leitão, explica que o fluxo de clientes não é tão intenso no dia oficial da Black Friday, se diluindo ao longo da semana. Quando a data chegou ao Brasil em 2010, o padrão norte-americano era seguido, viabilizando somente uma data para as ofertas. 

Contudo, notou-se um comportamento diferente do consumidor brasileiro, levando os estabelecimentos comerciais a se adaptarem às ações de acordo com as necessidades do cliente. Logo, muitas lojas trabalham com uma semana de Black Friday. Em alguns casos, as ofertas se estendem por todo o mês de novembro. 

Como funcionam as ofertas da Black Friday 2023?

A Black Friday é reconhecida pelos preços reduzidos, especialmente em produtos eletrônicos e eletrodomésticos, atraindo muitos consumidores em busca de ofertas. Essas promoções podem ser encontradas tanto em lojas físicas quanto online, com variações nos descontos e possibilidade de estoque limitado.

Os varejistas, ao longo de novembro, preparam descontos atraentes e benefícios como frete grátis, impulsionando o comércio tanto em lojas virtuais quanto nas físicas.

No ano de 2022, o setor de varejo registrou um aumento significativo de 6,9% no faturamento nominal durante o período de promoções, conforme relatório planejado pelo ICVA, divulgado pela Cielo.

Dicas para a Black Friday 2023

Faça pesquisas 

É aconselhável que os consumidores iniciem uma pesquisa de preços antecipadamente para ter uma noção real dos valores. O Procon alerta sobre a prática conhecida como ‘metade do dobro do valor’.

Esta é a prática na qual as lojas elevam os preços antes de aplicar um desconto aparentemente vantajoso de 50%. Para evitar práticas abusivas, os consumidores precisam estar atentos e fazer comparações cuidadosas durante a Black Friday.

Faça comparações 

A consulta pode ser feita por conta própria, diretamente nos sites das lojas, ou com o auxílio de buscadores especializados. A vantagem dos buscadores é que te permitem fazer uma pesquisa muito mais ampla. 

Eles comparam preços em lojas diferentes e alguns mostram a evolução do preço ao longo do tempo. Algumas das principais ferramentas de busca disponíveis na internet são:

  • BondFaro;
  • Buscapé;
  • Comparaí;
  • Google Shopping;
  • JáCotei;
  • Zoom.

Se planeje

É importante analisar, durante a promoção, as condições de pagamento oferecidas, as taxas de juros cobradas e os prazos para quitação. Verifique se o perfil possui reclamações e dê preferência a fornecedores que informam canais de atendimento, CNPJ e endereço físico.

Períodos comemorativos, como Black Friday e Natal, são momentos em que as pessoas deveriam listar o que elas querem comprar. Por fim, avalie se o produto, mesmo em oferta, realmente cabe no seu orçamento e se é uma necessidade.

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.