Bolsa Família paga benefício inédito de R$ 1,8 mil aos titulares

A ajuda financeira concedida pelo programa Bolsa Família é projetada para romper o ciclo de pobreza que afeta muitas famílias. Este programa coordena transferências condicionadas de recursos, gerenciadas pela Caixa Econômica Federal (CEF), com foco em saúde, renda e educação. 

Bolsa Família paga benefício inédito de R$ 1,8 mil aos titulares
Bolsa Família paga benefício inédito de R$ 1,8 mil aos titulares. (Imagem: FDR)

As famílias que desejam ser beneficiárias do Bolsa Família precisam, primeiramente, se inscrever no Cadastro Único (CadÚnico). Uma atualização no programa trará benefícios adicionais a um grupo específico de famílias a partir deste mês. 

O valor extra de R$ 1,8 mil está disponível para famílias com 10 membros, incluindo uma mãe que esteja amamentando e cujo bebê tenha completado seis meses em outubro.

Além da parcela mensal do Bolsa Família de R$ 1.420, as famílias recebem R$ 300 em benefícios extras e R$ 150 pelo Auxílio Infância Inicial. Abaixo você descobre quais são as regras de elegibilidade do programa. Confira!

Quem tem direito ao Bolsa Família?

Tem direito toda família com renda mensal de até R$ 218 por pessoa. Isso significa que a renda somada de todos os integrantes da família dividida pelo número de pessoas deve ser menor que R$ 218.

Considere o exemplo de uma mãe que cria sozinha três filhos pequenos. Trabalhando como diarista, ela ganha R$ 800 por mês. Como os filhos não trabalham, esses R$ 800 são a única renda da família. 

Dividindo R$ 800 (renda total) por quatro (número de pessoas na família), o resultado é R$ 200. Como R$ 200 é menor que R$ 218, essa mãe e seus três filhos têm direito a receber o Bolsa Família.

Quais são as regras do Bolsa Família?

As famílias devem cumprir compromissos nas áreas de saúde e de educação. São elas:

  • Realização do acompanhamento pré-natal;
  • Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • Realização do acompanhamento do estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
  • Frequência escolar mínima de 60% para as crianças de 4 a 5 anos, e de 75% para os beneficiários de 6 a 18 anos incompletos que não tenham concluído a educação básica;
  • A família deve sempre manter atualizado o Cadastro Único (pelos menos, a cada 24 meses).

Calendário do Bolsa Família de novembro

  • NIS com final 1 – 17/11/2023;
  • NIS com final 2 – 20/11/2023;
  • NIS com final 3 – 21/11/2023;
  • NIS com final 4 – 22/11/2023;
  • NIS com final 5 – 23/11/2023;
  • NIS com final 6 – 24/11/2023;
  • NIS com final 7 – 27/11/2023;
  • NIS com final 8 – 28/11/2023;
  • NIS com final 9 – 29/11/2023;
  • NIS com final 0 – 30/11/2023.

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.