Caixa diz que NÃO pagará R$ 15 mil aos titulares do Auxílio Brasil com os dados vazados

Após uma série de vazamentos, a Caixa Econômica Federal foi condenada ao pagamento de R$ 15 mil para os cidadãos prejudicados. Há época, os beneficiários do Auxílio Brasil tiveram suas informações divulgadas ao público. Agora, é possível que o pagamento desta multa não seja realizado; confira.

Empréstimo na Caixa: saiba quais as condições, limite de parcelamento e documentos exigidos
Caixa diz que NÃO pagará R$ 15 mil aos titulares do Auxílio Brasil com os dados vazados (Imagem: FDR)

Após condenação, a Caixa foi condenada à efetuar o pagamento de R$ 15 mil para cada cidadão que teve seus dados vazados pelo banco. Agora, a instituição afirmou que vai recorrer após não identificar responsabilidade por sua parte. Com isto, é possível que a multa total avaliada em R$ 40 milhões não seja paga.

Isto porque foram aproximadamente quatro milhões de ex-beneficiários do Auxílio Brasil que tiveram as suas informações divulgadas impropriamente. Com isto, a justiça determinou o pagamento indenizatório para estes cidadãos. Confira abaixo os dados que foram supostamente vazados pela Caixa dos seus beneficiários:

  • Nome completo;
  • Data de nascimento;
  • CPF;
  • Endereço;
  • Valores recebidos pelo cidadão;
  • Número do Cartão Nacional;
  • Número do Sistema Único de Saúde (SUS);
  • Número de Identificação Social (NIS).

O que foi dito pela defesa da Caixa?

Em defesa, a Caixa Econômica Federal afirmou que não identificou vazamentos de dados por sua parte. Veja abaixo exatamente o que foi dito pela defesa do banco:

“A CAIXA informa que irá recorrer da decisão. O banco esclarece que não identificou, em análise preliminar, vazamento de dados sob sua guarda e reforça que possui infraestrutura adequada à manutenção da integridade de sua base de dados e da segurança dos sistemas do Cadastro Único. O banco segue apurando a situação e, caso se constate eventual irregularidade, adotará as medidas cabíveis, com as devidas responsabilizações”

Confira agora se você teve os dados vazados pelo banco

Agora, com a ajuda do Instituto de Defesa da Proteção de Dados Pessoais, Compliance e Segurança da Informação (Instituto Sigilo), é possível verificar se o cidadão teve os seus dados vazados pelo governo federal. O site pode ser utilizado pelos cidadãos clicando aqui.

Veja abaixo os dados solicitados pela empresa para que consigam avaliar a situação do beneficiário:

  • Nome completo;
  • E-mail;
  • Número do CPF;
  • Número de Telefone;

Com estes dados, o Instituto poderá te ajudar de forma gratuita. Isto pode garantir que você consiga ter as informações suficientes para conseguir o seu direito ao pagamento na justiça.

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].