Idoso que nunca contribuiu com o INSS pode receber os benefícios? Veja o que diz o Instituto

Os pagamentos mensais ao INSS dão direito ao recebimento de diversos benefícios, como a aposentadoria. Geralmente é necessário ter um tempo mínimo de contribuição para ter direito a eles. Mas, existem algumas situações especiais, veja.

Idoso que nunca contribuiu com o INSS pode receber os benefícios? Veja o que diz o Instituto
Idoso que nunca contribuiu com o INSS pode receber os benefícios? Veja o que diz o Instituto (Imagem: FDR)

No próximo domingo (1), será comemorado o Dia Nacional do Idoso, que celebra as diversas conquistas e direitos desse grupo. Entre eles estão os benefícios do INSS, pagos mensalmente em diversas situações. Você sabia que mesmo sem contribuir com o Instituto Nacional do Seguro Social é possível que um idoso seja beneficiado?

Isso mesmo, o Instituto se preocupa em garantir uma vida digna a todos os brasileiros, para isso, o acesso a uma renda mensal é extremamente importante.

Idoso que não contribui com o INSS pode receber benefícios?

Sim, com o Benefício de Prestação Continuada, mesmo aquele idoso que nunca pagou uma contribuição poderá receber. O BPC é destinado às pessoas com deficiência e idosos acima de 65 anos, que não conseguem se sustentar.

Para ter acesso a ele é necessário ter Cadastro Único do Governo Federal; que pode ser feito em um Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), com os seguintes documentos: CPF; título de eleitor; e um documento com foto de cada pessoa da família.

Pode ser necessário que o idoso esteja acompanhado de algum parente próximo, pois, será necessário cadastrar algumas informações importantes, como o nível escolar dos membros da família; a renda deles e o tipo de trabalho.

Depois de cadastrado no CadÚnico, é necessário fazer a solicitação do BPC, que pode ser feita no aplicativo do Instituto Nacional do Seguro Social, onde também será necessário fazer um cadastro.

O pedido também pode ser feito pelo telefone 135; serão solicitados o CPF e o documento de identificação.

Vale lembrar que para receber o BPC é necessário ser ter renda familiar mensal por pessoa de até 25% do salário mínimo, ou seja, R$ 330,00.

Para saber a renda é necessário somar os rendimentos de todos os membros da família e dividir pelo número de pessoas.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.