ALERTA para os motoristas da Uber! Lista de carros EXCLUÍDOS da plataforma está disponível

A Uber anunciou recentemente que diversos carros que hoje fazem parte da lista de veículos autorizados a operar pelo aplicativo de transporte deverão ser excluídos em breve. A relação dos carros que não farão mais parte já foi disponibilizada pela empresa.

ALERTA para os motoristas da Uber! Lista de carros EXCLUÍDOS da plataforma está disponível
ALERTA para os motoristas da Uber! Lista de carros EXCLUÍDOS da plataforma está disponível. (Imagem: FDR)

A mudança será válida para a categoria Comfort do aplicativo de transporte. No total, cerca de 30 modelos de carros não poderão mais transportar passageiros nesse tipo de corrida. A medida vale a partir do mês de janeiro de 2024. Dessa forma, a Uber continuará aceitando os carros até o final deste ano.

Confira a lista de carros que não serão mais aceitos pela Uber:

Além de estar entre os modelos autorizados, os motoristas também precisam ficar atentos ao ano de fabricação dos veículos. O critério é utilizado pela Uber para definir quais carros podem fazer parte da categoria Comfort.

Outras questões também devem ser atendidas pelos motoristas. A Uber define os seguintes pontos:

A empresa leva ainda em consideração a avaliação dos motoristas para escolher quais profissionais estão elegíveis para receber solicitações de viagens da categoria que costuma remunerar melhor do que a forma comum, o UberX.

A nota é obtida com base nas avaliações que os motoristas recebem ao final de cada viagem. Essa classificação também é válida para os passageiros, que também são avaliados pelos motoristas após a corrida.

A nota exigida para a categoria Comfort varia de acordo com a cidade em que os motoristas trabalham. Para a maior parte das capitais, a classificação precisa ser superior a de outros locais. Além disso, é preciso que os profissionais estejam dentro dos seguintes critérios:

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.
Sair da versão mobile