Bancos públicos REDUZEM taxas de juros e brasileiros já podem APROVEITAR

Diante da decisão do Copom de reduzir a taxa básica de juros, Selic, para 13,25% ao ano, os bancos públicos já anunciam taxas menores para o empréstimo consignado. Veja os detalhes.

Bancos públicos REDUZEM taxas de juros e brasileiros já podem APROVEITAR
Bancos públicos REDUZEM taxas de juros e brasileiros já podem APROVEITAR (Imagem: FDR)

A reunião do Copom (Comitê de Política Monetária do Banco Central) aconteceu na tarde da última quarta, 2, e nela ficou decidido o novo patamar da Selic.

Bancos reduzem juros após corte na Selic

Ainda na quarta, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil divulgaram comunicados sobre juros. 

Na Caixa, houve uma redução de 1,74% para a partir de 1,70% ao mês nas taxas de juros do Crédito Consignado para beneficiários e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 

Já o Banco do Brasil, reduziu taxas nas linhas de crédito consignado e automático, e outros. Os juros do consignado caíram de 1,81% para 1,77% ao mês na faixa mínima, e de 1,95% ao mês para 1,89% ao mês no patamar máximo.

A taxa do empréstimo com desconto direto no benefício previdenciário está atualmente  em 1,97% ao mês no caso do empréstimo pessoal e 2,89% ao mês para o cartão de crédito e o de benefício.

O BB disse ainda que aplicou cortes nos empréstimos para pessoa jurídica e micro e pequenas empresas.

“A queda da taxa de juros no país está apoiada em condições positivas, construídas ao longo de todo o primeiro semestre deste ano. Elas possibilitam crédito mais barato para as famílias e para as empresas – especialmente as MPE [micro e pequenas empresas] – o que nos permite vislumbrar perspectivas de ainda maior dinamismo da economia, com mais crescimento e geração de emprego”, disse a presidente do Banco do Brasil, Taciana Medeiros, segundo a Agência Brasil.

A presidente da Caixa, Rita Serrano também se manifestou sobre o assunto. “A medida contribui com a organização das finanças dos clientes, em conjunto com as atuais ações vigentes do banco de negociação de dívidas, e para o crescimento da economia do país”.

Selic

A Selic é a taxa básica de juros da economia. Seu nome vem de uma abreviação de Sistema Especial de Liquidação e de Custódia, um sistema administrado pelo Banco Central do Brasil (BCB) em que são negociados títulos públicos federais.

Paulo AmorimPaulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.
Sair da versão mobile