Amanda do BBB 23 afirma ter sido cobrada pelo valor integral do FIES. Isso é possível?

Pontos-chave
  • Atraso no pagamento do FIES pode gerar cadastro em órgãos proteção ao crédito
  • Pagamento do financiamento é feito apenas após a conclusão do curso
  • Durante a graduação o estudante precisa manter em dia o pagamento de dois serviços

A participante Amanda, do BBB 23, afirmou que utilizou o FIES para fazer seu curso de medicina em uma instituição particular. A sister também disse estar em dívida com os pagamentos do financiamento, que gerou uma cobrança assustadora. Afinal, isso é possível? Entenda melhor o programa.

Amanda do BBB 23 afirma ter sido cobrada pelo valor integral do FIES. Isso é possível? (Imagem: FDR)
Amanda do BBB 23 afirma ter sido cobrada pelo valor integral do FIES. Isso é possível? (Imagem: FDR)

Logo em seus primeiros dias de reality a participante Amanda do BBB 23 afirmou que possui uma dívida com o FIES após ter usado o programa para se formar em medicina. Acontece que ao utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil você só paga os valores das mensalidades após concluir a sua formação, durante o curso ele terá que pagar o encargo operacional e o seguro de vida que precisa ser contratado.

Como funciona o pagamento do Fies?

Algumas falas de Amanda levantam perguntas sobre o pagamento do financiamento. Por exemplo, a participante afirmou:

“Financiei minha faculdade 100%, minha família não tinha condição nenhuma para bancar. (…) Tenho 19 anos ainda para pagar do FIES, é uma dívida de R$ 480 mil reais”.

Não é bem assim que acontece, segundo o site do próprio programa, o pagamento do financiamento respeita a renda do usuário após a sua formatura com estimativa de que o financiamento seja quitado em um prazo de catorze anos”.

Depois de se formar o pagamento do valor referente às mensalidades é descontado diretamente da sua renda, caso trabalhe pelo regime da CLT (com carteira assinada), ou se for funcionário público. Para autônomos o pagamento é feito através de boletos.

Também segundo o portal do programa, o usuário do FIES, caso não possua renda, deve honrar com o pagamento mínimo do financiamento.

De modo geral, após se formar é importante que o estudante não deixe de fazer os pagamentos, seja do valor total ou do mínimo.

Inclusive, o programa prevê que essa parcela mínima pode ser adotada em qualquer momento caso o estudante não tenha como honrar com o pagamento integral.

Caso o estudante não possua renda no momento previsto para o início da amortização do saldo devedor ou em qualquer momento durante o período de amortização, o financiamento do novo fundo garantidor (FG-Fies) complementará a parcela e a mesma será quitada em prestações mensais equivalentes ao pagamento mínimo, na forma do regulamento do CG-Fies”, informa o MEC na página do programa.

Amanda do BBB 23 afirma ter sido cobrada pelo valor integral do FIES. Isso é possível? (Imagem: FDR)
Amanda do BBB 23 afirma ter sido cobrada pelo valor integral do FIES. Isso é possível? (Imagem: FDR)

Não paguei a parcela do Fies e agora?

É importante lembrar que a dívida com o FIES não prescreve, ou popularmente, não caduca, ou seja, depois anos você continuará como inadimplente. Outro ponto é que, ao deixar de pagar as parcelas do financiamento o seu nome poderá ser incluído no Serasa e no CADIN (Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal).

Quando você deixa de pagar o financiamento e passa para a situação de inadimplente, o banco registra o valor total do seu financiamento. Isso pode assustar, foi exatamente o que aconteceu com Amanda.

Em conversa a médica afirmou que deixou de pagar uma parcela de R$ 2 mil e recebeu uma cobrança de R$ 500 mil, isso mesmo, uma cobrança de meio milhão de reais.

Isso acontece porque você não fica inadimplente apenas em relação às parcelas que deixou de pagar, mas, em relação ao valor total do financiamento.

Nesses casos, o usuário deve procurar o banco para fazer um acordo e parcelar a dívida.

Para evitar que situações como essa aconteçam é necessário permanecer fazendo o pagamento mínimo, como dito antes, mesmo nas situações em que o estudante está desempregado.

Também é importante que, ao perceber que não vai conseguir honrar com o pagamento, você prócere a instituição bancária responsável pelo contrato para negociar o débito, evitando problemas maiores.

Calendário FIES 2023

A primeira edição desse ano terá inscrições entre os dias 7 a 10 de março, com divulgação do resultado prevista par o dia 14 de março.

Pode participar da seleção os estudantes que fizeram o ENEM a partir de 2010 e que alcançaram média nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a 0 na redação; além disso, é necessário possuir renda familiar mensal bruta, por pessoa, de até 3 salários mínimos.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a nossa editoria de Carreiras.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.