AUXÍLIO BRASIL e VALE GÁS são liberados! Conheça OPÇÕES de RESGATE do benefício de R$ 720

Pontos-chave
  • Calendário do Auxílio Brasil e Vale Gás é antecipado em agosto;
  • Auxílio Brasil teve aumento de R$ 200 nas próximas cinco mensalidades;
  • Vale Gás foi dobrado e paga R$ 120.

O Auxílio Brasil e Vale Gás voltam a ser pagos nesta terça-feira (9). O calendário de agosto foi antecipado em virtude da promulgação da PEC dos Benefícios. Logo, os quase 20 milhões de beneficiários têm a oportunidade de receber um benefício de R$ 720

AUXÍLIO BRASIL e VALE GÁS são liberados! Conheça OPÇÕES de RESGATE do benefício de R$ 720
AUXÍLIO BRASIL e VALE GÁS são liberados! Conheça OPÇÕES de RESGATE do benefício de R$ 720. (Imagem: FDR)

O texto que gerou polêmica no Congresso Nacional autorizou a ampliação no Orçamento além do teto de gastos. O resultado foi um aumento de R$ 200 e R$ 60, respectivamente no Auxílio Brasil e Vale Gás. Destacando que ambos os benefícios são direcionados à população brasileira em situação de vulnerabilidade social. 

O Auxílio Brasil e Vale Gás estão interligados, pois para receber o benefício com foco na compra do botijão de gás de 13 kg, é preciso fazer parte do quadro de beneficiários do substituto do Bolsa Família. Em todo caso, é crucial estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico).

Apesar do vínculo, há distinções quanto às regras de elegibilidade ao Auxílio Brasil e Vale Gás. Veja a seguir!

Quem tem direito ao Auxílio Brasil e Vale Gás?

Auxílio Brasil

Os beneficiários atuais e aqueles que queiram ser inseridos na transferência de renda precisam estar com as informações cadastrais no sistema do Cadastro Único (CadÚnico), devidamente atualizadas.  Além disso, precisam se enquadrar nas linhas de:

  • Extrema pobreza: renda familiar per capita mensal de R$ 105;
  • Pobreza: renda familiar per capita mensal entre R$ 105,01 e R$ 210.

Estando de acordo com esses critérios básicos, existem três maneiras de ser incluído no Auxílio Brasil. São elas:

  • Se já tinha o Bolsa Família: Auxílio Brasil será pago automaticamente;
  • Se está no CadÚnico, mas não recebia o Bolsa Família: vai para a lista de reserva;
  • Se não está no CadÚnico, é preciso buscar um Cras para registro, sem garantia de receber.

É extremamente importante lembrar que a família deve ser composta por algum desses componentes:

  • Crianças;
  • Gestantes;
  • Mães que ainda estão em processo de amamentação;
  • Adolescentes;
  • Jovens entre 0 a 21 anos incompletos.

Vale Gás

Podem receber o Vale Gás os cidadãos que:

  1. Ter inscrição ativa no Cadastro Único (Cadúnico);
  2. Possuir renda familiar per capita de até meio salário mínimo (R$ 606); OU
  3. Ter renda familiar total igual ou inferior a três salários mínimos;
  4. Recebe também, famílias com renda superior a três salários mínimos, desde que estejam incluídas em programas de transferência de renda implementados pelas três esferas de governo;
  5. Por fim, ter entre os membros da família pessoa que recebe o Benefício de Prestação Continuada (BPC/Loas).

Contudo, é importante lembrar que o alcance do programa é limitado. Sendo assim,  foi liberado algumas regras de prioridade, sendo para:

  1. Famílias com cadastro atualizado no Cadúnico, nos últimos dois anos;
  2. Com menor renda;
  3. Que tenham maior quantidade de integrantes;
  4. Famílias contempladas pelo Auxílio Brasil;
  5. Com cadastro qualificado pelo gestor através do uso das informações da averiguação (se disponíveis).

Como resgatar o Auxílio Brasil e Vale Gás?

Saque no Caixa Tem

O Caixa Tem é a conta poupança social digital, criada para unificar o pagamento do auxílio emergencial e adotada pelo Governo Federal em parceria com a Caixa Econômica para liberar outros benefícios, o Auxílio Brasil e Vale Gás estão nessa lista. 

Muitos beneficiários não sabem, mas além da movimentação digital dos valores no próprio aplicativo, é possível fazer o resgate em espécie. Para isso, o beneficiário precisa ter acesso ao Caixa Tem e estar em uma unidade de atendimento da Caixa, como um caixa eletrônico, atendente de casa lotérica ou correspondente Caixa Aqui. Então, é só executar estas etapas:

  1. Baixe o aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS;
  2. Faça o login com seu CPF e senha dos serviços Caixa;
  3. Pressione a opção “Saque” e digite o valor a ser resgatado;
  4. Selecione o menu “Gerar código de saque”. Ele tem validade de 1 hora. Caso você não faça o saque do dinheiro nesse prazo, precisará gerar outra numeração. Outra opção é anotar o código (por isso a importância de já estar em um atendimento presencial Caixa);
  5. No terminal de autoatendimento, toque no botão “Entrar”;
  6. Clique no menu “Saque Auxílio Emergencial”;
  7. Coloque o número do CPF e clique em “Confirmar”;
  8. Digite o código autorizador de saque diretamente no caixa eletrônico ou apresente para o atendente da lotérica ou correspondente Caixa Aqui;
  9. Digite o valor do saque do Auxílio Brasil e finalize a operação.

Saque na Caixa Econômica

Nesse caso, o beneficiário tem duas opções:

  1. Fazer o resgate com o cartão do Bolsa Família;
  2. Ter o dinheiro em mãos com a opção “Saque sem cartão”.

No primeiro caso, basta seguir as etapas já repassadas. No segundo, é preciso ter um documento de identificação. Basta comparecer a uma agência e conversar com um atendente. Ele vai indicar o que precisa ser feito.

Saque no caixa eletrônico sem cartão

Na hipótese de a família ainda não ter recebido o novo cartão do Auxílio Brasil e Vale Gás, é importante saber sobre a possibilidade de efetuar o saque sem o cartão. Basta:

  1. Compareça a um terminal de autoatendimento da Caixa Econômica Federal;
  2. Insira o cartão do Cidadão no caixa eletrônico;
  3. Escolha a opção de saque;
  4. Digite o valor que deseja resgatar;
  5. Coloque sua senha do cartão do Cidadão;
  6. Confirme a operação. Pronto! O dinheiro estará em suas mãos.

Calendário do Auxílio Brasil e Vale Gás em agosto

Apesar da antecipação do calendário do Auxílio Brasil e Vale Gás, o Governo Federal manteve o padrão de pagamentos. Isso quer dizer que os depósitos continuarão a ser feitos com base no dígito final do Número de Identificação Social (NIS). Veja:

  • NIS final de NIS 1 – 09 de agosto;
  • NIS final de NIS 2 – 10 de agosto;
  • NIS final de NIS 3 – 11 de agosto;
  • NIS final de NIS 4 – 12 de agosto;
  • NIS final de NIS 5 – 15 de agosto;
  • NIS final de NIS 6 – 16 de agosto;
  • NIS final de NIS 7 – 17 de agosto;
  • NIS final de NIS 8 – 18 de agosto;
  • NIS final de NIS 9 – 19 de agosto;
  • NIS final de NIS 0 – 22 de agosto.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.