Telemarketing ABUSIVO: Justiça abre processos administrativos contra BANCOS

Nesta quarta-feira (27), Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), ligada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, informou que abriu processos administrativos contra 26 empresas por prática de telemarketing abusivo. Entre essas companhias, estão bancos e teles.

publicidade

As medidas do governo, contra empresas que praticam telemarketing abusivo, são desdobramentos da decisão que, em 18 de julho, proibiu a atividade irregular em todo o Brasil.

Na lista das empresas notificadas, aparecem bancos, companhias de telecomunicações e centrais de telemarketing. Estas empresas devem apresentar defesa. Em caso de condenação, elas estão sujeitas a multa de até R$ 13 milhões cada.

Os dirigentes dos Procons, a Agência Nacional de Telecomunicações e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANDP) foram informados sobre a abertura dos processos. Com isso, essas instituições poderão tomar as decisões que considerarem cabíveis.

publicidade

Dados de usuários foram usados sem consentimento

A Senacon suspendeu as atividades de telemarketing abusivo com base no número de reclamações registradas no Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (Sindec) e no portal consumidor.gov.br; nos últimos três anos, foram indicadas mais de 14 mil queixas.

Após análise, a Senanon considerou que os dados usados pelas companhias — para praticarem telemarketing abusivo — não foram consentidos pelos consumidores. Essas informações também não foram passadas às companhias por meio de uma base legal existente.

Desse modo, o Ministério da Justiça concluiu que a prática do telemarketing afronta os preceitos do Código de Defesa do Consumidor, da Lei Geral de Proteção de Dados e do Marco Civil da Internet.

Em 18 de julho, a Senacon e os Procons decidiram pela suspensão de atividades de telemarketing abusivo. Ao todo 180 companhias brasileiras foram afetadas. A medida busca pôr fim às ligações que oferecem serviços e produtos sem autorização dos brasileiros.

Governo disponibilizou novo canal para denunciar telemarketing abusivo

Em 20 de julho, após determinação de suspender atividades de telemarketing abusivo, as pessoas ganharam um canal virtual direto. A plataforma poderá ser usada denunciar companhias que insistirem com a prática.

Neste formulário eletrônico, os cidadãos precisam informar, entre outros dados, a data e número de origem da chamada com DDD (quando existir), o nome do telemarketing ou qual companhia representa e se foi permitida a oferta de serviços e produtos.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

A Senacon apurará as denúncias, que serão encaminhadas aos Procons. Assim, será possível analisar e abrir um eventual processo administrativo pelo descumprimento da determinação.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.