Bolsonaro nega a fome de 60 milhões de brasileiros afirmando que o país “não tem problemas”

O Brasil voltou a integrar o Mapa da Fome. Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), cerca de 60 milhões de brasileiros enfrentam a insegurança alimentar diariamente. Mesmo diante da apuração, o presidente da República, Jair Bolsonaro, insiste em negar a realidade vulnerável do país. 

publicidade
Bolsonaro nega a fome de 60 milhões de brasileiros afirmando que o país "não tem problemas"
Bolsonaro nega a fome de 60 milhões de brasileiros afirmando que o país “não tem problemas”. (Imagem: FDR)

Após um encontro habitual com apoiadores, Bolsonaro negou a fome de 60 milhões de brasileiros afirmando que o país “não tem problemas”. Esta não é a primeira vez que o Brasil se encontra neste tipo de situação e, muito menos, que o presidente adota um posicionamento indiferente às necessidades do povo brasileiro. 

Entretanto, o posicionamento de Bolsonaro em relação à fome da população reflete uma atitude curiosa e contraditória. Isso porque, nas últimas semanas, o Governo Federal junto aos parlamentares envolvidos se empenham na aprovação da Proposta de Emenda à Constituição – PEC das bondades. O texto reúne um pacote de benefícios voltados à população de baixa renda. 

publicidade

Motivada, inicialmente pela alta dos combustíveis, a PEC foi editada e agora inclui o aumento nos valores do Auxílio Brasil e Vale Gás, além da concessão de um benefício para os caminhoneiros e taxistas. O texto prevê a concessão de mensalidades aos grupos mencionados até dezembro de 2022

Analisando o empenho somente em circunstâncias específicas, fica ainda mais evidente que a intenção de Bolsonaro quanto às investidas em políticas públicas sociais é puramente em benefício próprio. As atitudes nada mais são do que uma estratégia de campanha do político que é pré-candidato às eleições de 2022, visando se manter na presidência da República. 

Mapa da fome contradiz Bolsonaro

Contrapondo a fala de Bolsonaro, o relatório da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) aponta que a quantidade de brasileiros que enfrentam algum tipo de insegurança alimentar já ultrapassou a marca de 60 milhões. O apanhado foi divulgado na última quarta-feira (6), indicando o número exato de 61,3 milhões de brasileiros passando fome.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O montante representa três em cada dez brasileiros passando fome em uma população estimada em 213,3 milhões. Do total, 15,4 milhões enfrentam um nível de insegurança alimentar grave. É importante explicar que os dados consistem no apanhado feito entre 2019 a 2021, revelando a piora drástica deste cenário.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.