Famoso banco internacional é condenado em caso de lavagem de dinheiro e cocaína

Um tribunal criminal federal suíço condenou o banco Credit Suisse por ajudar uma quadrilha búlgara a lavar dinheiro ligado ao tráfico de cocaína. O tribunal condenou ainda uma funcionaria da instituição.

publicidade

Na visão do tribunal, segundo a Dow Jones Newswires, o Credit Suisse não fez o bastante para impedir a lavagem de dinheiro. Teriam sido transportadas toneladas de cocaína para a Europa e milhões de dólares teriam sido lavados através do Credit Suisse. Por conta disso, o banco foi multado em cerca de US$2,1 milhões. O Credit Suisse deve pagar US$ 20 milhões ao governo suíço.

A funcionária que também foi condenada e que segundo os promotores aceitou receber malas de dinheiro, teve uma sentença de 20 meses de prisão, com suspensão condicional (sursis). Também foram considerados culpados uma pessoa de outro banco e dois membros da quadrilha por lavagem de dinheiro.

O banco argumenta que os supostos crimes aconteceram há mais de 14 anos e que irá recorrer da decisão. O Credit Suisse se disse surpreso quando a Justiça abriu o caso no final de 2020.

publicidade

No início desta semana, o banco afirmou que testa de maneira constante sua estrutura de combate à lavagem de dinheiro e que a reforçou com passar dos anos. O advogado da ex-funcionária, por sua vez, alegou que ela não recebeu treinamento suficiente do banco e que irá recorrer. 

Este caso acontece justamente quando o Credit Suisse tenta se recuperar das perdas financeiras e de outros escândalos, o que inclui os cerca de US$ 5 bilhões em prejuízos  relacionados ao colapso do family office Archegos Capital Management.

Na terça, 28, a instituição atualizou os investidores sobre seus planos de reduzir os custos neste ano, como forma de compensar a queda na receita. O banco disse que aguarda registrar o terceiro prejuízo trimestral seguido no período encerrado em 30 de junho.

Credit Suisse

Credit Suisse Group é um banco suíço de investimento e provedor de outros serviços financeiros sediado em Zurique, Suíça. O atual Presidente do Conselho de Administração é Thomas Gottstein.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Em 1998, o Banco de Investimentos Garantia S.A. foi adquirido pelo Credit Suisse First Boston – um dos líderes entre os bancos de investimentos, estabelecido no Brasil desde 1990, com foco em operações de Investment Banking – e passou a ser denominado Banco de Investimentos Credit Suisse First Boston Garantia S.A. (CSFB).

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.