Novela Pantanal vira ‘porta de entrada’ da Vivo no agronegócio

A novela Pantanal segue trazendo bons frutos para a TV Globo. A emissora fechou um contrato com a operadora Vivo, que deseja explorar seu ecossistema de serviços digitais oferecidos e a sua presença no agronegócio. Para conseguir isto, serão abordados os serviços da operadora e como a chegada da tecnologia 5G trarão novas possibilidades para os brasileiros.

publicidade

“A parceria com a Globo é importante para evidenciar, através da ficção da novela, o impacto positivo da digitalização nas pessoas e empresas. Essa foi mais uma das iniciativas para reforçar a potência dos nossos serviços digitais e a relevância dessas soluções”, disse  Marina Daineze, diretora de marca e comunicação da Vivo.

Vivo foca no agronegócio 

Através da novela Pantanal, a Vivo quer mirar no agronegócio. De acordo com o comunicado, a empresa irá divulgar os serviços completos para aprimorar a produção de pequenos e grandes negócios rurais.

Durante a exibição da novela das 9, também serão apresentados os demais serviços digitais oferecidos pela Vivo.

publicidade

A operadora será introduzida na trama quando Jove, interpretado por Jesuíta Barbosa, empenhado em conhecer mais os negócios do pai, convence José Leôncio (Marcos Palmeira) a modernizar a fazenda, que só possui o rádio como meio de comunicação.

Para fazer isso, o jovem irá convencer o pai a instalar internet na fazenda, com a finalidade de otimizar os negócios.

A operadora é mais uma dos patrocinadores da novela Pantanal, que trazer para a Globo um faturamento superior a R$600 milhões, de acordo com um levantamento realizado por Ricardo Feltrin, do UOL.

O sucesso da novela fez com que o faturamento de Pantanal chegasse ao nível do registrado pelo Big Brother Brasil 22.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

A novela também é o maior investimento já realizado pelo setor de dramaturgia. Segundo estimativas de mercado, com pré-produção, deslocamento e manutenção de equipamentos de custo milionário, mais filmagens, estadia de uma equipe enorme de atores, produtores e técnicos, tenha custado no total cerca de R$ 180 milhões. A novela tem previsão de durar 216 capítulos.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.