Divulgado número de pessoas que aguardam inclusão no Auxílio Brasil

De acordo com um levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios, existem pelo menos 2,78 milhões de famílias aguardando pela inclusão no Auxílio Brasil. A pesquisa ainda mostra que 5,3 milhões com perfil para fazerem parte do programa estavam na fila desde abril.

publicidade
Divulgado número de pessoas que aguardam inclusão no Auxílio Brasil
Divulgado número de pessoas que aguardam inclusão no Auxílio Brasil (Imagem: FDR)

Também foi informado que entre os meses de março e abril a fila de espera pelo benefício praticamente dobrou. O aumento foi de 116%, subindo de 1,307 milhões de famílias (2,1 milhões de pessoas) para 2,788 milhões de famílias (5,3 milhões).

O Ministério da Cidadania chegou a informar que em abril haviam 18,06 milhões de contemplados no Auxílio Brasil. E que em maio, o número subiu para 18,1 milhões.

publicidade

Ainda assim, o orçamento disponível em 2022 para o programa não é suficiente para acabar com a fila de espera. Isso porque, foram liberados R$ 89 bilhões, que devem ser usados para financiar as parcelas do benefício.

Hoje, cada família contemplada recebe no mínimo R$ 400 por mês, o valor foi definido por lei publicada em maio pelo presidente Jair Bolsonaro (PL).

Recentemente surgiram especulações sobre o aumento no valor mínimo do programa, de R$ 400 para R$ 600. Para isso seria preciso ultrapassar o teto de gastos. O que pode ser barrado pelo Ministério da Economia.

Critérios para receber o Auxílio Brasil

Hoje, para ser inscrito e receber o pagamento mensal do Auxílio Brasil, a família precisa comprovar que vive em situação de pobre ou extrema pobreza.

Isto é, com renda per capita de até R$ 105 para condição de extrema pobreza. Ou, de R$ 105 a R$ 210 para pobreza.

A inscrição é feita inicialmente no Cadastro Único do governo federal, uma base de dados cujo objetivo é contabilizar e assistir as pessoas que vivem em vulnerabilidade.

publicidade

Conforme liberados novos recursos, o governo incluí no programa as pessoas que já estão inscritas no CadÚnico. Por isso o processo acontece de forma mais lenta, pois depende de disponibilidade no orçamento do governo. 

Valores liberados

A quantia mensal liberada é de no mínimo R$ 400, também são disponibilizados R$ 53 bimestralmente para 5 milhões de pessoas com direito ao vale gás.

Ainda fazem parte dos benefícios do programa, a inclusão dos bônus:

publicidade
  • Bolsa de Iniciação Científica: 12 parcelas mensais de R$ 100,00 (cem reais) para o estudante; e parcela única de R$ 1.000,00 (mil reais), por família;
  • Esporte Escolar: 12 parcelas mensais de R$ 100,00 (cem reais) para o estudante; e parcela única de R$ 1.000,00 (mil reais), por família;
  • Inclusão Produtiva Rural: R$ 200 para famílias com produtores rurais;
  • Inclusão Produtiva Urbana: R$ 200 para famílias que comprovarem vínculo de emprego com carteira assinada.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Lila Cunha
Lila Cunha é formada em jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Atua como repórter especial para o portal FDR. É responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas. Além disso, trabalha com apuração de hard news desde 2019, cobrindo o universo econômico em escala nacional.