Banco do Brasil lança novo fundo de investimento em crédito de carbono; saiba como funciona

Nesta quarta-feira (18), o presidente do Banco do Brasil anunciou o lançamento de um fundo de investimento destinado a financiar iniciativas de crédito de carbono. A aplicação conta com aporte inicial de R$ 2 milhões, e benchmark de R$ 50 milhões até o fim deste ano.

Banco do Brasil lança novo fundo de investimento em crédito de carbono; saiba como funciona
Banco do Brasil lança novo fundo de investimento em crédito de carbono; saiba como funciona (Imagem: Montagem/FDR)

O fundo de investimento será chamado de BB Multimercado Crédito de Carbono. Ao conceder a possiblidade de um investimento com remuneração atrelada à sustentabilidade, a medida serve para elevar a liquidez de mercado.

Segundo o presidente do BB, este é o primeiro fundo da instituição destinado à temática. A declaração foi realizada durante apresentação do congresso Mercado Global de Carbono, no Rio de Janeiro.

O executivo afirma que o fundo estará atrelado à variação de preços do mercado de crédito de carbono. A aplicação estará disponível para todos os investidores e clientes do Banco do Brasil.

Um fundo de investimento é um tipo de “condomínio” de investidores. Essa aplicação reúne recursos de diversas pessoas, para quem sejam investidos em conjunto no mercado financeiro e de capitais.

Os ganhos conseguidos são divididos entre os participantes, proporcionalmente conforme o dinheiro depositado por cada investidor.

O patrimônio do fundo é formado pela soma do dinheiro dos investidores. As decisões sobre o que realizar com os valores precisam obedecer políticas e objetivos predefinidos.

Banco do Brasil busca engajar a sociedade para pauta ambiental

Fausto alega que o aplicativo do banco também engajará a população para contribuir com o meio ambiente, reflorestamento e neutralização de emissões.

Os clientes terão como utilizar o aplicativo para realizar doações para a Fundação Banco do Brasil. Ainda haverá a possiblidade de troca de pontos Livelo.

O presidente do BB informa que a instituição promoverá ações para estimular o mercado de crédito de carbono. Segundo ele, a primeira ação se concentra em fortalecer os clientes do banco, no desenvolvimento e originação de projetos para desenvolvimento de crédito de carbono.

O executivo ainda afirma que o banco estará “presente desde a identificação do potencial da área até a conclusão final do projeto”. Ele destaca que o BB é “um grande financiador do agro e muitos desses clientes poderão rentabilizar suas florestas que excedem a reserva legal”.

Os clientes não precisarão realizar investimentos se for identificada a possibilidade de crédito de carbono.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.