Como solicitar o cartão de crédito do C6 Bank? Tem anuidade? Qual o limite?

Pontos-chave
  • C6 Bank oferece opções de cartão com e sem anuidade
  • Usuários do C6 Carbon participam do programa Átomos
  • Usuários podem personalizar o cartão da maneira que preferirem

O C6 Bank é um dos principais bancos digitais do país atualmente e oferece diversos serviços para os clientes como cartão de crédito, linha de empréstimo, conta digital e muito mais. Conheça abaixo alguns dos serviços oferecidos pela fintech.

Conta digital e cartão de crédito

O C6 Bank possui o cartão internacional sem cobrança de anuidade. Além disso, o C6 Bank também tem a opção de conta digital, oferecendo serviços como transferências e TEDs ilimitadas, manutenção de conta grátis, depósito por boleto, portabilidade de salário e saques gratuitos nos caixas 24 horas.

Um grande trunfo é o saque gratuito, já que seu principal concorrente cobra por cada saque feito pelos usuários.

Falando dos juros do rotativo, a fintech cobra uma taxa de 10,7% ao mês, a mais alta entre as concorrentes. Um ponto de atenção.

Os clientes podem optar pelos cartões C6 Débito, C6 que tem anuidade grátis.

Já o cartão C6 Carbon possui uma anuidade de 12 vezes de R$85 com isenção nos três primeiros meses. Após esse período:

  • Isenção de 50% para quem gastar a partir de R$ 4.000 por mês
  • Isenção de 100% para quem gasta a partir de R$ 8.000 por mês
  • Para quem investir a partir de R$ 50.000 em CDBs do C6 Bank isenção de 100%

Todos os usuários podem personalizar seu cartão com a cor que desejar e com nome que preferir.

O limite de crédito é liberado após uma análise realizada pelo C6 Bank e sendo assim, varia de cliente para cliente.

C6 Carbon

O cartão do C6 também é internacional Mastercard Black. O cartão possui uma anuidade dividida em 12 vezes de R$85, que é isenta nos três primeiros meses de uso.

Entre as vantagens do cartão está a possibilidade de pedir cartões adicionais. O usuário pode escolher a cor que preferir, entre elas a cor “carbon” (preto).

Os usuários contam com o programa de pontos Átomos, um dos benefícios do C6 Bank, e seus incentivos vão além do uso para compras, como o acesso a serviços VIP, por exemplo.

Vale a pena pedir o cartão de crédito do C6 Bank?

Após analisar todos estes pontos e principalmente as isenções de taxas, podemos concluir que sim, vale a pena solicitar o cartão do banco.

Caso você não movimente sua conta, não serão aplicadas cobranças portanto, mesmo se ela não estiver ativa, você não terá dor de cabeças.

Falando dos juros do rotativo, a fintech cobra uma taxa de 10,7% ao mês, a mais alta entre as os concorrentes.

No atendimento, ainda em fase inicial, algumas solicitações podem acabar demorando para serem concluídas, porém, a fintech garante que está trabalhando nessa área, tornando-se mais competitiva.

Como solicitar o cartão de crédito C6 Bank

Analisando todos os pontos você decidiu pedir seu cartão? Então saiba como fazer:

  • Acesse o site do C6
  • Clique em abra sua conta
  • Baixe o aplicativo do C6 Bank no seu celular
  • Você será redirecionado à parte do cadastro, preencha com seus dados
  • Abra sua conta e solicite o seu cartão!

C6 Bank

O C6 Bank foi inaugurado por Marcelo Kalim, ex-presidente do BTG Pactual, e no ano passado, recebeu a permissão do Banco Central do Brasil para operar.

O banco digital tem a finalidade de atrair clientes de todos os perfis de renda, através da oferta de uma conta corrente sem cobrança de tarifas.

Além disso, assim como seus concorrentes, o banco tenta extinguir a burocracia, que tanto irrita os clientes dos grandes bancos tradicionais.

O C6 Bank é um banco múltiplo, que opera no Brasil desde janeiro de 2019. O banco digital é uma iniciativa de ex-executivos do BTG Pactual, e oferece diversos serviços financeiros.

Entre os principais serviços, estão a conta corrente, transferência via SMS, investimentos, maquininha, programa de pontos, conta PJ, conta internacional, cartão de crédito e de débito.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.