É possível pagar boletos com cartão de crédito? Vale a pena?

Pontos-chave
  • Pagamento de contas pelo cartão pode ser uma boa opção
  • É necessário avaliar se a opção é vantajosa para você
  • Também é possível parcelar o valor do boleto

Sabe aquele boleto que chega quando menos estamos esperando? Neste momento, muitos ficam se perguntando como fazer para pagar esta conta e recentemente uma nova opção surgiu: o pagamento através do cartão de crédito. Será que esta opção vale a pena? Saiba tudo aqui.

Pagamento de boletos com cartão 

Diversos bancos já possibilitam que os clientes paguem contas e boletos usando o cartão de crédito. Existe ainda os aplicativos de pagamento de contas e carteiras digitais que também permitem esta prática.

É importante destacar que quase todos os tipos de boleto podem ser pagos com cartão de crédito, inclusive os de contas básicas, como água, luz e telefone, e até a fatura do próprio cartão de crédito. Desta forma, a funcionalidade pode ajudar em um momento de aperto financeiro.

  • Custo 

É muito importante destacar que quem opta pelo parcelamento no cartão de crédito, de maneira geral, pagará uma taxa a mais. O valor desta taxa varia de acordo com cada instituição ou plataforma.

Porém, o que os clientes devem saber que esta taxa pode ser fixa, como normalmente é feito pelos bancos, quanto a partir de uma taxa baseada em um percentual sobre o valor total do boleto. Desta forma, é importante avaliar este custo extra antes de optar por pagar boleto com cartão de crédito para perceber se realmente é a melhor saída.

Como pagar boleto com o cartão?

Existem duas formas mais comuns de pagar boletos com o cartão, pelo aplicativos dos bancos ou em plataformas de pagamento de contas.

Grande parte das instituições financeiras já permitem que seus clientes façam este tipo de pagamento. Através do portal da Febraban, é possível saber os bancos que disponibilizam esta função e também a taxa cobrada.

Se o seu banco oferecer esta possibilidade, entre no aplicativo ou no internet banking dele  e siga o passo a passo para fazer um pagamento. 

Após escanear o código de barras ou digitar os números manualmente, o sistema mostrará uma tela com os dados de pagamento e neste momento selecione “pagar com cartão de crédito”. 

Normalmente, esse campo fica automaticamente preenchido por “débito na conta corrente” e será necessário fazer a alteração manualmente.

Após o pagamento ser efetuado, o valor do boleto será colocado na lista de débitos da próxima fatura, com acréscimo da taxa cobrada pela operação.

  • Pagamento via aplicativo de pagamento 

Atualmente é possível contar com diversos aplicativos e carteiras digitais de pagamento como PicPay, RecargaPay e Mercado Pago, entre outros que oferecem esta possibilidade.

Normalmente, os aplicativos autorizam que os usuários paguem boletos de até um certo valor de maneira gratuita, sem incidência de taxas. Porém, estes limites constam ser baixos, variando entre R$100 e R$500 por mês. Quando o pagamento inclui taxas, elas são definidas com base em um percentual sobre o valor da fatura.

Para pagar uma conta é preciso selecionar a opção “pagar” e, após digitar ou escanear o código de barras, escolha o cartão de crédito que deseja usar como forma de pagamento. 

As carteiras digitais oferecem também uma opção interessante para quem precisa pagar boleto com cartão: o parcelamento.

Normalmente, é possível parcelar o valor do boleto em até 12 vezes e pode ser uma alternativa interessante para quem está apertado. Porém, este parcelamento inclui taxas de juros parecidas com a um empréstimo.

Sendo assim, antes de optar pelo parcelamento é importante se atentar as taxas cobradas.

Vale a pena?

A opção por pagar um boleto usando o cartão de crédito é parecida com a de tomar um empréstimo. 

Pegar um empréstimo em algumas situações é uma boa alternativa, contanto que você não tenha uma outra opção mais vantajosa.

Sendo assim, só opte por pagar uma conta pelo cartão caso não tenha dinheiro no momento ou se não encontrou uma outra opção mais vantajosa.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.