IR 2022: programa apresenta falha técnica na hora do envio; saiba o que fazer

Ao enviar a declaração do Imposto de Renda 2022, alguns contribuintes têm identificado problemas técnicos. De acordo com relatos, a falha surge no momento de clicar no sistema para finalizar o processo, e enviar os dados da declaração do IR 2022.

IR 2022: programa apresenta falha técnica na hora do envio; saiba o que fazer
IR 2022: programa apresenta falha técnica na hora do envio; saiba o que fazer (Imagem: Montagem/FDR)

Ao clicar no botão de envio da declaração do Imposto de Renda 2022, aparece a seguinte mensagem: “Erro! Validador IRPF 2022. A transmissão não foi concluída. A declaração CPF XXX.XXX.XXX-XX exercício 2022 não foi entregue”.

Devido a este problema, os contribuintes — que desejam entregar o documento com antecedência — acabam sendo prejudicados.

Mesmo que o prazo de envio seja até 29 de abril, a Receita Federal considera a data de envio para as restituições, para quem tem direito ao pagamento. Vale destacar que, neste caso, os cidadãos precisam preencher o documento corretamente para o recebimento dos valores.

Ao ser questionado pelo InfoMoney sobre o erro, a Receita Federal confirmou o problema. O Fisco informa que uma atualização de sistema tem prejudicado os processos de envio da declaração.

Em 7 de março, quando o programa foi liberado, estava disponível a versão 1.0. Já agora, a versão está em 1.1. Isso indica que ocorreu uma atualização no sistema. Segundo a Receita, até as 11h desta quarta-feira (16), 4 milhões de contribuintes já enviaram a declaração do IR 2022.

Como solucionar a falha técnica na declaração do IR 2022

Caso apareça o erro, no momento de preencher a declaração, os contribuintes precisam seguir a orientação indicada na mesma página do sistema — e reinstalar o programa do Imposto de Renda.

“Instale a nova versão do programa IRPF, na página da Receita Federal, em gov.br/receitafederal, e transmita novamente”, informa a Receita Federal.

Para os contribuintes que enviarem a declaração por aplicativo, também precisar verificar as versões e, caso necessário, atualizar o app — por meio da reinstalação.

Após reinstalar o programa, a pessoa deve responder “Sim” quando surgir a pergunta sobre manter os dados já digitados. Caso o contribuinte não escolha essa opção, poderá perder todos os dados preenchidos, e deverá realizar o procedimento novamente.

Vale destacar que o cidadão somente atualizará o programa se ainda tiver a versão inicial, de 1.0.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.