Fies 2022: saiba tudo sobre como funcionarão as inscrições para esta edição

Na próxima semana será aberto o período de inscrições no Fies 2022 que oferece financiem-no estudantil de cursos de nível superior. Esse primeiro semestre vai oferecer 66.555 vagas, 60% do número total destinado ao ano de 2022.

Fies 2022: saiba tudo sobre como funcionarão as inscrições para esta edição
Fies 2022: saiba tudo sobre como funcionarão as inscrições para esta edição (Imagem: FDR)

O Fundo de Financiamento Estudantil oferece condições de financiamento do curso de nível superior (licenciatura, bacharelado e tecnológico) em instituições privadas reconhecidas pelo MEC.

Com ele, o estudante faz toda a sua graduação, paga apenas as taxas do banco durante o curso, e quita as mensalidades após a sua formatura.

Como vai funcionar o Fies 2022?

De 8 a 11 de março os estudantes poderão se inscrever no Fies 2022; para participar é necessário ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio a partir de 2010.

Além disso, o candidato precisa ter obtido nota nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a 0 na redação.

Também é necessário possuir renda familiar mensal bruta, por pessoa, de até 3 salários mínimos.

Nesse ano a seleção conta com uma mudança portal Acesso Único, o site reúne informações não só do Fies, mas também do Prouni e SiSU.

Nele você pode encontrar informações gerais, notas de corte, vagas e será direcionado à página de inscrições.

Segundo informações do Ministério da Educação, não podem participar do programa aqueles estudantes que se encontram em uma das seguintes condições:

  • Matrícula acadêmica esteja em situação de trancamento geral de disciplinas no momento da inscrição;
  • Que já tenham sido beneficiados pelo fies;
  • Que sejam responsáveis por inadimplência junto ao programa de crédito educativo (PCE/Creduc);
  • Beneficiários de bolsa integral do programa universidade para todos (ProUni);
  • Beneficiários de bolsa parcial do programa universidade para todos, em curso/habilitação/turno diferente daquele vinculado à bolsa ProUni;
  • Cuja renda bruta total mensal familiar seja inferior ao valor da mensalidade do curso a ser financiado.

Essa última restrição não se aplica aos bolsistas parciais de 50% do ProUni e aos bolsistas complementares de 25%.

Isso porque esse grupo já tem assegurado o financiamento desde que observadas algumas condições.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a editoria de Carreiras do FDR.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.