Eleições 2022: o que fazer com as ações de estatais?

Ao longo de períodos pré-eleitorais, diante dos riscos políticos, os gestores e investidores passam a dar mais atenção para ações de estatais. Neta fase de eleições 2022, entenda o que fazer com as ações de estatais, segundo perspectivas de gestores consultados pelo Money Times.

Eleições 2022: o que fazer com as ações de estatais?
Eleições 2022: o que fazer com as ações de estatais? (Imagem: Montagem/FDR)

Por conta da possibilidade de uma grande mudança de gestão de governo, os papéis de estatais possuem mais riscos em tempos eleitorais. Estas eleições devem ser marcadas por alta polarização. Diante disso, o movimento das ações deve ser mais volátil.

Apesar do cenário de riscos, os papéis das duas maiores companhias estatizadas listadas na Bolsa de Valores brasileira — Petrobras e Banco do Brasil — registram ganhos acima de 10% neste ano.

O gestor-analista de renda variável da Frontier Capital, Alexandre Cancherini, alega que o risco-retorno atrativo tem motivado o mercado em relação às estatais, mesmo com a proximidade das eleições.

O que fazer com as ações de estatais

Cancherini, posicionado em Banco do Brasil e Petrobras, declara que a ação do BB está em patamar “bastante assimétrico” sob múltiplo preço/lucro. O gestor argumenta que, para valer a pena, o BB deve negociar com desconto em relação aos bancos privados. Na visão dele, esse desconto é exagerado.

Segundo o gestor de renda variável da Western Asset, Guto Leite, o desconto abrange todo o setor bancário — e não apenas o Banco do Brasil. Conforme ele, o BB pode estar barato. Contudo, em um cenário macro — de grandes incertezas e alta volatilidade, há preferencia sobre bancos privados.

Na visão de Cancherini e Leite, é benéfico ter posição em Petrobras atualmente. Isso quando os valores do petróleo apresentam uma tendência altista. Foi destacaco que as eleições continuam sem grandes definições.

O gestor da Western declara que “ainda é cedo para incorporar as eleições totalmente na precificação”. Leite possui uma visão construtiva para o combustível fóssil. Ele entende que todas as petroleiras listadas na Bolsa apresentam valuation atrativo.

Diante do risco da estatal, o gestor considera que, para se expor ao segmento, vale a pena realizar uma cesta com Petrobras, 3R Petroleum e PetroRio.

De acordo com Cancherini, o melhor a ser feito agora é aguardar as definições sobre quem serão os candidatos. Também vale esperar quais serão suas políticas econômicas.

Já o CEO da Mauá Capital, Luiz Fernando Figueiredo, apresenta menos otimismo para estatais em período de eleição. Ele declara ser uma incógnita como será a governança das empresas estatizadas em 2023.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.