Jogadora de futebol é demitida e consegue mais de R$ 3,5 milhões na internet

Após ser demitida do Charlton no ano de 2020, a jogadora Madalene Wright, de 23 anos, já ganhou 500 mil libras, em torno de R$ 3,5 milhões com um site.

A jogadora entrou para o OnlyFans, conhecido por ser uma plataforma onde pessoas compartilham conteúdo exclusivo para assinantes, muitas vezes, sensuais.

Sua fama fora de campo veio com a polêmica  demissão do Charlton, que fez ela passar a ter mais de 200 mil seguidores no Instagram. A jogadora foi flagrada bebendo champagne enquanto dirigia uma Land Rover.

A atleta disse que nessa época era jovem, estava brincando com os seus amigos e não tinha noção da posição que estava e da sua responsabilidade.

Ela ainda disse que gostaria de voltar ao futebol e também abrir seu negócio próprio, mas viu na plataforma uma oportunidade de conseguir se manter financeiramente. Ela disse que pesou os “prós e contras” de expor conteúdo sensual na internet.

“O futebol é minha paixão e eu sonhava em me tornar um profissional quando era criança, então tem um lugar muito grande no meu coração. E, com a idade que tenho, tenho a responsabilidade de gerar renda também. Definitivamente voltaria ao futebol se pudesse, mas reconheço que os grandes clubes podem não me querer depois do que aconteceu”, disse.

“Foi e ainda é uma preocupação (expor conteúdo sensual) porque não quero que as pessoas tenham esse tipo de percepção sobre mim. Mas quando você pesa os prós e os contras, e depois de fazer isso por um ano inteiro, eu sei que tomei a decisão certa. Quero começar meu próprio negócio e me tornar uma empreendedora, me afastar do estereótipo e ser vista como uma mulher de negócios”, disse.

Madele cobra 33 libras por uma assinatura mensal de sua página no OnlyFans.

Madalene Wright

O Charlton confirmou que a jogadora foi dispensada após os registros terem vazado. Além disso, a atleta apareceu inalando um balão com gás hélio, em uma festa com amigos, e também bebendo champanhe enquanto dirigia sua Range Rover .

Essa não é a primeira polêmica envolvendo Wright, que foi investigada pelo Millwall, seu ex-clube, depois que surgiu em um vídeo onde seu cachorro estava no volante do seu carro.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.