O vencedor do BBB pode parar de trabalhar com o valor recebido? Confira simulações

O sonho de muitas pessoas é entrar no reality show Big Brother Brasil (BBB) e ganhar o prêmio de R$1,5 milhão. É claro que hoje em dia existem pessoas que também querem ganhar visibilidade, se tornar um influencer digital e desta forma ganhar dinheiro. Mas pensando na bolada de R$1,5 milhão, ela é o suficiente para se aposentar?

Michael Viriato, professor de finanças da Casa do Investidor, fez uma simulação de aplicação dos R$1,5 milhão em cinco modalidades de investimentos distintas: Poupança; algum produto indexado ao CDI (taxa que acompanha a Selic de perto), como um fundo DI; títulos do Tesouro Direto que seguem a inflação auferida pelo IPCA e pagam juro real com vencimento em 2050; fundos imobiliários; e ações que pagam dividendos. Viriato considerou que, em todas as possibilidades, a inflação, daqui para frente, estaria sempre em 5% ao ano.

A simulação mostrou que o retorno anual real líquido, isto é, acima da inflação e já com desconto do IR, esperado para essas modalidades, variou de 0,5% a até 6,5% ao ano. A poupança foi o caminho menos rentável e os dividendos oriundos das ações o que mais rendeu.

É importante ressaltar que este exercício é baseado em dados históricos e não existe garantia de retorno em aplicações de renda variável. De acordo com os cálculos, o investidor obteria uma renda de R$ 625 por mês se escolhesse a poupança, ou de até R$ 8.125, no caso das ações.

No exemplo de Michael, o investidor resgataria apenas o rendimento da aplicação, deixando o valor de R$1,5 milhão intacto para permanecer com sua renda de maneira vitalícia.

Em outro exemplo, o professor também considerou um cenário em que o investidor aplicou o valor do prêmio nestas cinco modalidades e foi retirando ao longo de 30 anos. Nesta situação, a sua “renda mensal” varia entre R$ 4.497 na poupança até R$ 9.572 no caso dos dividendos. 

Todavia, é preciso ressaltar que se o vencedor do BBB tenha, 30 anos, por exemplo,  aos 60 ele estará com menos de R$ 1 do prêmio guardado, algo que talvez não seja o melhor caminho.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.