Facebook planeja possibilitar usuários de criarem e negociarem NFTs; confira detalhes

O grupo Meta Platforms, estuda possibilitar usuários de utilizam tokens não fungíveis (NFTs, na sigla em inglês) no Facebook e Instagram. Os NFTs são um tipo especial de token criptográfico, que representam algo único. A informação foi revelada pelo Financial Times nesta quinta-feira (20).

Segundo o Financial Times, os planos ainda estariam “em estágio inicial e ainda podem mudar”. O objetivo da Meta seria desenvolver uma ferramenta que possibilite, aos usuários, mostrar os NFTs como suas fotos de perfil. Ainda há o intuito de criar um recurso que permita a criação de novos tokens não fungíveis.

A companhia também contaria com um grupo focado em produzir “o lançamento no mercado para os usuários comparem e venderem NFTs.

Atualmente, o Facebook é a rede social com mais usuários no mundo. O número de usuários ativos mensalmente nesta plataforma chega a 2,895 bilhões, segundo o portal de estudos e estatística Statista. Já o Instagram é a terceira maior rede social do planeta, com 1,393 bilhão de usuários.

Meta já havia demonstrado interesse por NFTs anteriormente

Anteriormente, já houve uma notícia que que a Meta estaria interessado em NFTs. Em dezembro do ano passado, o diretor do Instagram, Adam Mosseri, afirmou que a companhia está “explorando ativamente os NFTs”.

Ele também disse que a rede social tem procurado formas para deixar “mais acessíveis a um público mais amplo”.

Em outubro do ano passado, o CEO da Meta, Mark Zuckerberg, comentou sobre como o metaverso deverá apoiar “a propriedade de bens digitais ou NFT”.

De acordo com o DappRadar, serviço que monitora dados do mercado de criptoativos, as cinco maiores plataformas de NFTs da indústria movimentaram, nos últimos 30 dias, mais de US$ 9 bilhões.

Grande parte desse volume acessou o novo marketplace LooksRare — que totalizou US$ US$ 4,72 bilhões em negociações. Com isso, a plataforma superou o OpenSea, que teve o total de US$ 3,81 bilhões.

Mesmo que a tecnologia de NFTs não seja nova, houve maior repercussão em 2021. no ano passado, o mercado movimentou mais de US$ 40 bilhões, conforme estimado pela Chainalysis, empresa de análise de blockchain.

Grandes companhias globais já foram atraídas por este mercado, como a Nike, Adidas e Gap.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.