Quem são os maiores acionistas do Nubank?

No dia 8 de dezembro do ano passado, o Nubank precificou sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). De forma definitiva, ela foi encerrada em 6 de janeiro. Com isso, descubra quem são os maiores acionistas do Nubank, segundo apurado pelo Valor Econômico.

Mesmo que a precificação da oferta pública inicial de ações tenha acontecido em dezembro, os coordenadores do IPO tinham até 30 dias para decidir se exerceriam o lote suplementar. Por conta disso, houve o encerramento da oferta no início de janeiro.

O IPO da instituição somou US$ 2,839 bilhões (equivalente a R$ 15,836 bilhões). O lote adicional de até 20% não foi exercido. Já o lote suplementar, que poderia ser de até 10%, foi exercido parcialmente (9,5%).

O Nubank surgiu no Brasil em 2013. Os fundadores foram o colombiano David Vélez, o americano Edward Wible e a brasileira Cristina Junqueira. A companhia surgiu como uma fintech — uma startup dedicada em resolver problemas financeiros utilizando a tecnologia.

No começo, o banco digital oferecia um único produto, que era um cartão de crédito Mastercard. O uso deste serviço era controlado totalmente pelo smartphone. Ao longo do tempo, a instituição ampliou os produtos e serviços oferecidos aos clientes.

O Nubank encerrou o segundo semestre de 2021 com mais de 41 milhões de clientes no Brasil. Este número representa uma alta de 25% em comparação ao semestre anterior.

Quem são os maiores acionistas do Nubank?

O maior acionista da fintech é a holding Rua Califórnia, do fundador David Vélez. Este acionista possui 22,965% do capital total — ou 65,794% caso consideradas apenas as ações ordinárias.

O segundo maior acionista é a gestora americana Sequoia Capital, com 18,311% do capital total. O terceiro maior acionista é a gestora americana DST Global, com 9,619%.

Logo após, os maiores acionistas do Nubank são: Tencent (6,412%), Tiger Global (5,799%), Cristina Junqueira (2,935%) e Adam Wible (2,110%).

Estes são os investidores que contam uma fatia acima de 5% e/ou fazem parte do acordo de acionistas. Os demais acionistas, juntos, possuem uma fatia de 31,739%.

Alguns dos investidores conhecidos do banco digital não estão na lista porque não alcançaram a fatia mínima de 5% — de torna obrigatória a divulgação. Dentre estes, está a Berkshire Hathaway, de Warren Buffet. Em junho de 2021, esta companhia anunciou a aplicação de R$ 500 milhões na fintech.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.