Pagamentos do Auxílio Brasil começam nesta semana; veja calendário e valores

Nesta semana começam a ser liberados os pagamento do Auxílio Brasil de janeiro. Na semana passada, o governo incluiu mais três milhões de famílias no programa, alcançando um total de 17,5 milhões de famílias. Com isso, a fila de pessoas registradas no Cadastro Único e com direito ao benefício foi zerada.

Pagamentos do Auxílio Brasil começam nesta semana; veja calendário e valores
Pagamentos do Auxílio Brasil começam nesta semana; veja calendário e valores (Foto:FDR)

O valor do benefício continua sendo de R$400 até o final do ano, de acordo com a determinação do presidente Jair Bolsonaro.

Calendário

Veja as datas de pagamento

NIS final 1: 18 de janeiro 

NIS final 2: 19 de janeiro 

NIS final 3: 20 de janeiro 

NIS final 4: 21 de janeiro 

NIS final 5: 24 de janeiro 

NIS final 6: 25 de janeiro 

NIS final 7: 26 de janeiro 

NIS final 8: 27 de janeiro 

NIS final 9: 28 de janeiro 

NIS final 0: 31 de janeiro

Quem pode receber o auxílio brasil?

O benefício será pago para as famílias em situação de extrema pobreza (renda mensal de até R$ 100 por pessoa) e na pobreza (renda per capita de até R$ 200 mensais).

As famílias inscritas no antigo Bolsa Família têm direito ao novo benefício. O governo declarou ter beneficiado 14,6 milhões de famílias em novembro e 17 milhões de famílias em dezembro de 2022. 

Aqueles que não recebiam o Bolsa Família, mas se encaixam nos critérios de renda precisam se inscrever no CadÚnico (Cadastro Único do governo federal para programas sociais) para solicitar o Auxílio Brasil.

Como funciona o benefício?

O Auxílio Brasil possui ainda mais nove benefícios:

  • Benefício Primeira Infância: pago às famílias com crianças entre zero e 36 meses incompletos;
  • Benefício Composição Familiar: pago às famílias com jovens até 21 anos;
  • Benefício de Superação da Extrema Pobreza: complemento financeiro para as famílias que recebem benefícios, mas que mesmo assim, a renda familiar per capita não supera a linha de pobreza extrema;
  • Bolsa de Iniciação Científica Junior: 12 parcelas mensais pagas a estudantes beneficiários do Auxílio Brasil com bom desempenho em competições acadêmicas e científicas;
  • Auxílio Criança Cidadã: benefício pago aos chefes de família que consigam emprego e não encontrem vagas em creches para deixar os filhos de 0 a 48 meses;
  • Auxílio Inclusão Produtiva Rural: pago por até 36 meses aos agricultores familiares inscritos no CadÚnico;
  • Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: para beneficiários do Auxílio Brasil que comprovem que têm emprego com carteira assinada;
  • Benefício Compensatório de Transição: pago aos atuais beneficiários do Bolsa Família que perderem parte do valor recebido por conta das mudanças trazidas pelo novo programa.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.