Itaú sela acordo para compra de corretora digital; descubra qual é

Nesta quinta-feira (13), o Itaú Unibanco anunciou a compra da corretora digital Ideal. O contrato de aquisição da Ideal Holding Financeira S.A. e de suas subsidiárias, por até 100% do capital social, acontecerá em duas etapas. A operação será ao longo de cinco anos.

publicidade

Na primeira etapa, o banco comprará 50,01% do capital social e votante da Ideal. Isso acontecerá por meio de aporte primário e da compra secundária de ações — que totalizam cerca de R$ 650 milhões. Já na segunda etapa, após cinco anos, o Itaú poderá exercer o direito de compra dos 49,9% restantes.

Segundo os termos da transação, a gestão e a condução dos negócios da Ideal seguirão autônomas em relação ao Itaú. Neste contexto, a corretora digital continuará atendendo seus clientes — e o Itaú não terá exclusividade na prestação de serviços.

O Itaú declara que essa compra reforça o seu ecossistema de investimentos. A aquisição possibilitará, especialmente, “contar com o talento e expertise dos profissionais da Ideal, reconhecidos pela alta capacidade de inovar nesse setor”.

publicidade

O banco também cita a possibilidade de ”oferta de produtos e serviços financeiros (‘broker as a service’) em modelo B2B2C por meio da plataforma white label”.

Outros pontos citados são “a possível aceleração da entrada no mercado de agentes autônomos de investimentos e o aperfeiçoamento na distribuição de produtos de investimentos para clientes pessoas físicas.

A finalização da operação depende de aprovações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e Banco Central.

A corretora digital adquirida pelo Itaú

Criada em 2019, a Ideal é uma corretora totalmente digital. Atualmente, ela disponibiliza soluções de trading eletrônico e DMA (direct market access), dentro de uma plataforma flexível e cloud-based.

A Ideal é uma das corretoras líderes em volumes negociados nos mercados da B3. O Itaú declara que a corretora foi fundada por executivos com grande experiência no setor de intermediação de valores imobiliários.

Por fim, o banco alega que “o investimento na Ideal reforça o compromisso do Itaú Unibanco com os seus clientes em busca de soluções transformadoras em um mercado em franca expansão”.

publicidade

A instituição cita a possibilidade de “ampliar a oferta de produtos e serviços nos canais mais convenientes a cada perfil de cliente e desenvolvimento sustentável nos negócios”.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.