UEMG abre vagas para curso de Pedagogia; saiba como se inscrever

A UEMG oferece processo seletivo com duas formas de ingresso no curso de pedagogia. São 29 vagas na cidade de Leopoldina; veja como se candidatar e concorrer a essas vagas.

UEMG abre vagas para curso de Pedagogia; saiba como se inscrever
UEMG abre vagas para curso de Pedagogia; saiba como se inscrever (Imagem: FDR)

A Universidade Estadual de Minas Gerais vai abrir inscrições para o vestibular do curso de pedagogia em Leopoldina, são 29 vagas para ingresso no primeiro semestre letivo desse ano.

Vestibular para pedagogia da UEMG

A universidade vai disponibilizar duas formas de ingresso no curso, caberá ao candidato escolher qual deseja utilizar:

Vestibular Uemg 2022 com oferta de 75% das vagas e o Sistema de Seleção Unificada (SiSU), com os 25% restantes.

As inscrições poderão ser feitas entre os dias 18 de janeiro e 9 de fevereiro, com taxa de R$ 5. Já os candidatos pelo SiSU terão que aguardar a divulgação do cronograma, o que deve ser feito pelo Ministério da Educação (MEC). As inscrições serão feitas no site oficial da instituição.

Quem escolher pela participação no vestibular terá que responder a 48 questões de múltipla escolha de assuntos comum ao Ensino Médio; mais a produção de uma redação.

As provas serão aplicadas presencialmente no dia 6 de março, para saber o local os candidatos precisarão consultar o Comprovante Definitivo de Inscrição.

Enquanto que quem escolher participar com o SiSU terá que usar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio.

Sistema de Reserva de Vagas

Se você deseja concorrer a uma das vagas oferecidas pela UEMG, deve ficar atento a distribuição das vagas que acontecerá da seguinte forma:

  • Ampla concorrência (5% das vagas);
  • Reserva de vagas (50%);
  • Ou inclusão regional (20%).

Dentro do Sistema de Reserva de Vagas a UMG vai aplicar 6 categorias, que estão listadas abaixo:

  • I) Negros, que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas e com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • II) Quilombolas, que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas e com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • III) Indígenas, que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas e renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • IV) Ciganos, que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas e com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • V) Egressos de escola pública, com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo;
  • VI) Pessoas com deficiência.

Fique bem informado com a editoria de carreiras do FDR.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.