Crise hídrica: Cantareira tem pior dezembro dos últimos 6 anos; confira dicas para economizar

O nível do sistema que abastece a região metropolitana de São Paulo, o Sistema Cantareira, está com seu nível mais baixo dos últimos  seis anos para o mês de dezembro. Saiba dicas para economizar e ajudar o sistema.

Crise hídrica: Cantareira tem pior dezembro dos últimos 6 anos; confira dicas para economizar
Crise hídrica: Cantareira tem pior dezembro dos últimos 6 anos; confira dicas para economizar(Imagem: Jornal Terceira Visão)

No dia 27, o sistema operava com 24,9% de sua capacidade, um quarto do que comporta, segundo o boletim informativo da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

O reservatório do Cantareira é o maior e responsável  pelo abastecimento de água para 46% da população da região metropolitana

A média histórica de chuvas em dezembro no manancial é de 207,6 mm, segundo a Sabesp, mas, neste mês, só houve a precipitação de 89,3 mm, faltando apenas quatro dias para dezembro acabar.

Nos últimos seis anos, o menor volume para o mês de dezembro registrado no Cantareira havia ocorrido em 2015, quando o sistema precisou operar abaixo de sua capacidade e utilizar a reserva técnica, chamada de volume morto. Após isso, a maior capacidade observada no sistema para um dia 27 de dezembro ocorreu em 2016, quando o Cantareira registrou o volume de 46,1% , quase o dobro do que foi marcado hoje.

No mês de dezembro de 2013, meses antes do estado de São Paulo enfrentar a sua maior crise de abastecimento, o sistema Cantareira operava com 27,9% de sua capacidade, pouco acima do registrado hoje. 

Dicas para economizar

Não demore no banho 

Um banho de 15 minutos pode gastar até 135 litros de água. Assim, se o tempo embaixo do chuveiro for para  5 minutos, apenas 45 litros são utilizados. 

Desligue a torneira ao escovar os dentes

Ao escovar os dentes e lavar o rosto e as mãos com a torneira aberta pode representar um gasto de 12 litros de água. Por isso, feche-as bem sempre que não estiver usando a água.

Ensaboe as louças de uma só vez

Antes de lavar a louça, retire os restos de comida com o apoio de um guardanapo ou toalha de papel e ensaboe todas de uma só vez, com a torneira fechada. Depois, faça o enxágue. Outra dica é lavar os utensílios menos engordurados primeiro. Assim, a gordura não se espalha para os outros itens.

Limite o uso da máquina de lavar

O ideal é usar a máquina sempre cheia e em ciclos completos de lavagem. Para isso, acumule mais roupas para lavar tudo de uma vez. Alguns eletrodomésticos mais modernos também oferecem um modo econômico, que gasta até 30% menos água e energia.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.