Daniel Alves terá menor salário do Barcelona com risco de pagar multa milionária

Mercado do futebol requer grande investimento financeiro. Nessa semana, circulou na imprensa nacional que o jogador Daniel Alves, de 38 anos, poderá pagar uma multa milionária por aceitar seu contrato de retorno ao Barcelona. Ele atuará no time pelos próximos sete meses.

Ser jogador de futebol é o sonho de parte significativa dos brasileiros e não é à toa. Além do esporte ser uma grande paixão nacional, para quem atua em grandes seleções é uma ótima oportunidade de fazer dinheiro. De volta ao Barcelona, o craque Daniel Alves deve ficar atento a sua contabilidade.

Daniel Alves retoma contrato com o Barcelona

Nessa semana, o jogador brasileiro assinou seu contrato de retorno com o time. Ele passará os próximos sete meses jogando com a seleção, mas corre o risco de pagar uma multa rescisória de 100 milhões de euros (cerca de R$ 630 mil) — de acordo com informações da rádio espanhola RAC1.

O jogador de lateral receberá o salário mais baixo do time, mas ainda assim ficará sujeito a multa. Ele terá que ficar na equipe até junho de 2022 e seu contrato não apresenta nenhum ponto propondo renovação. No entanto, ele informou a notícia de forma positiva para seus fãs, afirmando que manterá o bom desempenho.

“Não é uma preocupação. Venho até junho, conto com isso até lá. E depois podemos conversar sobre tudo, temos que ver os resultados. É como um exame escolar: se tiro nota 4 ou 5 sei que estou suspenso; preciso de uma nota alta para continuar, senão eu mesmo faço minhas malas em junho”, afirmou o próprio Daniel Alves em sua apresentação.

“O foco das pessoas é no salário, mas para mim não é importante. Não é hora de pensar nisso, é hora de voltar e ajudar o Barça. E fazer parte da transformação”, declarou o jogador.

Antes do Barcelona, Daniel estava sem contrato com outros times. Ele teve a rescisão validada com a equipe do São Paulo, há dois meses atrás. Ao tomar a decisão de sair, teve que arcar com uma dívida milionária de R$ 400 mil por mês, que será quitada ao longo dos próximos cinco anos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.