Prepare-se! Novas tarifas de ônibus, metrô e trens em São Paulo começam em 2022

Moradores de São Paulo, que fazem uso do transporte público do estado, devem se preparar para o aumento das tarifas de ônibus, metrô e trens. As novas tarifas, que começam a valer em 2022, são estudadas pela prefeitura e governo estadual.

Os reajustes das tarifas do transporte público devem acontecer com base na alta dos preços dos combustíveis, além de também levar em conta a inflação. O impacto será sobre o valor da passagem dos ônibus municipais, o bilhete CPTM e no valor do metrô.

Atualmente, o valor da tarifa para ônibus, trens e metrô é de R$ 4,40. O percentual do aumento ainda não foi definido, mas segundo o governador João Dória (PSDB) em entrevista coletiva na última sexta-feira (5), “qualquer expectativa de atualização tarifária, o impacto no bolso do usuário é pequeno, porque quem financia e subvenciona é o setor privado”.

Dória ainda falou sobre a falta de aumento da tarifa nos últimos dois anos e afirmou que durante a pandemia o estado bancou o sistema de transporte investindo mais de R$ 3 bilhões.

“Nesse período de pandemia, estamos falando de um ano e dez meses, o governo de São Paulo bancou o sistema de transporte, sem nenhuma ajuda, nenhuma contribuição do governo federal”, disse o governador do estado de São Paulo.

Aumento das tarifas

Mesmo sem ainda um valor definido e com a declaração do governador de que o impacto do aumento seria mínimo para o usuário, se a correção se der pela inflação acumulada, a nova tarifa pode chegar a R$ 4,92.

Para o prefeito da cidade de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), a manutenção do preço atual da tarifa é pouco provável e só seria possível diante de uma queda significativa do preço do óleo diesel. A decisão oficial do aumento será tomada e anunciada até dezembro.

Últimos reajustes 

Em janeiro de 2020 foi registrado o último reajuste em que a tarifa passou de R$ 4,30 para R$ 4,40. Durante a pandemia da Covid-19 todo o país sentiu o agravamento da crise econômica, por essa razão o valor foi mantido o mesmo sem sofrer aumento.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!