Atenção! O seu auxílio doença pode terminar amanhã (11); salve seu salário

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que recebem benefício por incapacidade temporária, o famoso auxílio doença, correm o risco de ter o salário cortado. Isso porque, amanhã, 11, é o último dia para agendar a perícia médica e assegurar o recurso. 

Atenção! O seu auxílio doença pode terminar amanhã (11); salve seu salário
Atenção! O seu auxílio doença pode terminar amanhã (11); salve seu salário. (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Na verdade, é importante ressaltar que não são todos os beneficiários do auxílio doença que terão o benefício cortado. A ação é voltada aos 85 mil segurados do INSS que caíram no pente fino que a autarquia realizou nas últimas semanas.

Entre esse montante, estão beneficiários do auxílio doença, aposentadoria por invalidez e Benefício por Prestação Continuada (BPC).

Embora este último não se trate propriamente de um benefício previdenciário, tendo em vista que não requer contribuições para a sua concessão, ele é administrado pelo INSS, motivo pelo qual também é submetido ao pente fino.

O pente fino é o procedimento utilizado para apurar os segurados com inconsistências nos dados fornecidos à autarquia, além de identificar e inibir possíveis fraudes. 

O foco do pente fino são os benefícios por incapacidade, como o auxílio doença, justamente aqueles que precisam da perícia médica para serem liberados. A perícia médica, por sua vez, é o processo de avaliação médica realizado por um profissional da área designado pelo INSS com o objetivo de analisar se a incapacidade alegada, que impede o exercício profissional, realmente é verdadeira.

Normalmente, ao solicitar benefícios como o auxílio doença, muitas pessoas tentam agir de má fé ao mentir sobre alguma doença ou deficiência, falsificando documentos, entre tantas outras práticas criminosas e antiéticas que tiram a oportunidade de quem realmente precisa do benefício.

Junto a isso, a necessidade de reagendar a perícia médica está vinculada ao fato de que, durante um determinado período, os recursos foram liberados sem que o segurado se submetesse a esse procedimento.

Pois um decreto federal permitiu a concessão do auxílio doença para pedidos remotos durante 90 dias sem a necessidade de realizar a perícia médica. Esta possibilidade foi implementada devido ao tamanho da fila de espera e a incapacidade de haver atendimentos presenciais nas unidades da Previdência Social em virtude da pandemia da Covid-19, que levou ao fechamento das agências durante vários meses. 

Agora, mesmo com o retorno das atividades presenciais, os atendimentos estão reduzidos. Por esta razão, é essencial acessar os canais remotos do INSS e realizar o agendamento da perícia médica para assegurar a manutenção do auxílio doença. Veja como!

Meu INSS

O Meu INSS é a plataforma criada pela autarquia onde todos os serviços foram concentrados para que sejam realizados virtualmente, retirando a obrigatoriedade de resolver a demanda exclusivamente no formato presencial. Para agendar a perícia médica do INSS pelo site ou aplicativo Meu INSS, basta:

  • Acessar a página do Meu INSS (pelo site ou aplicativo);
  • Fazer o login e vá até a opção “Agende sua Perícia” no menu do lado esquerdo;
  • Clicar em “Agendar Novo”;
  • Acompanhar o pedido em “Resultado de Requerimento/Benefício por Incapacidade”;
  • Comparecer na data marcada para a perícia médica.

Central de Atendimento 135

Para quem tem dificuldades de acessar plataformas online, existe a possibilidade de ligar na central telefônica pelo número 135. Por ela, o segurado deve, primeiro, escolher para qual desses benefícios ele deseja atendimento:

  • Auxílio-acidente;
  • Auxílio-doença (benefício por incapacidade temporária);
  • Benefício de Prestação Continuada – BPC;
  • Aposentadoria por invalidez (benefício por incapacidade permanente);
  • Pessoas com deficiência ou doença grave que pretendem receber Pensão por Morte.

Depois, basta informar que o motivo da ligação é um agendamento e escolher o local, data e hora do procedimento.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.