Definidas as regras para uso de máscara em locais públicos de São Paulo

Na cidade de São Paulo, a prefeitura decidiu por manter a obrigatoriedade do uso de máscaras em locais públicos. A decisão foi confirmada na última quinta, 14, em uma coletiva de imprensa virtual.

Na última semana, o governo municipal disse que estudava flexibilizar a regra de uso das máscaras em ambientes externos a partir da segunda quinzena deste mês. A ideia era avaliada pela Secretária Municipal da Saúde.

A gestão municipal negou em nota que que tenha desistido da ideia e disse que apenas estudava a possibilidade. Não deve ser determinada pela prefeitura uma nova data para a liberação do uso de máscaras. É previsto que a regra atual permaneça até meados do mês que vem.

Um dos tópicos do estudo feito pelo governo municipal apontou a “importância da manutenção das medidas não farmacológicas de prevenção”. O estudo destacou ainda “importância do isolamento do caso e quarentena  de contatos próximos para interromper a cadeia de transmissão”.

Nota do Conselho de Secretários da Saúde 

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgou no dia 8, uma nota em que defende a continuidade do uso de máscaras em todo o Brasil.

Na nota, o Conass afirma que a flexibilização das medidas de segurança esta ligada diretamente ao aumento na quantidade de casos de covid-19, assim como aconteceu em outros países.

“É preciso que estejamos atentos às experiências frustrantes de alguns países que, acreditando ter superado os riscos, suspenderam a obrigatoriedade do uso de máscaras, afrouxaram as medidas de prevenção e, por isso mesmo, tiveram recrudescimento importante do número de casos e de óbitos, obrigando-os a retroceder”, disse a nota.

O alerta aconteceu logo após São Paulo e Rio de Janeiro sinalizarem que estudavam um possível fim para a obrigatoriedade de flexibilização da regra.

O CDC (sigla em inglês pra Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA) orienta que o uso de máscaras seja mantido em locais fechados e também em locais abertos em áreas com altos índices de transmissão e com presença de grande número de pessoas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.