Quer ter descontos na conta de luz e na compra do botijão de gás? Solução foi anunciada!

Governo federal consolida projetos para dar descontos a população. Nas últimas semanas, foi anunciado o projeto do Vale Gás e a criação do programa que reduzirá o valor da conta de luz. Ambas as medidas são gerenciadas pela União e foram adotas diante do atual cenário de crise hídrica e econômica.

Quer ter descontos na conta de luz e na compra do botijão de gás? Solução foi anunciada! (Imagem: Reprodução/R7)
Quer ter descontos na conta de luz e na compra do botijão de gás? Solução foi anunciada! (Imagem: Reprodução/R7)

Recentemente, o governo federal passou a criar novos projetos para que a população conseguisse comprar o botijão de gás e ter descontos na conta de luz.

O primeiro programa, chamado de vale gás, é válido para todo o país e será concedido a partir de dezembro, caso seja sancionado. Já os reajustes nas tarifas elétricas já estão em funcionamento.

Descontos nas contas de luz

Com o atual momento de crise hídrica, onde a conta de luz registrou uma das maiores tarifas da história, o governo passou a conceder descontos para o cidadão que economizar seu consumo.

A proposta será válida entre setembro e dezembro deste ano, garantindo uma certa isenção nas cobranças a partir de janeiro de 2022.

O valor do desconto varia de acordo com o consumo que o sujeito teve em sua residência. Quanto maior for a economia durante o período de crise hídrica, maior será o reajuste proporcionado pelo governo.

De modo geral, será possível reduzir em até 20% o valor da cobrança. É válido ressaltar que qualquer brasileiro poderá participar, esteja ele em zona rural ou urbana. Com a proposta, a União espera que o consumo seja minimizado de modo que consiga garantir o funcionamento das usinas.

Sobre o vale gás

Já no que diz respeito aos preços do botijão de gás de cozinha, com a alta e comercialização do produto por mais que R$ 100, a população poderá ganhar uma espécie de voucher. O pagamento será destinado especificamente para a população de baixa renda.

Terá direito de ser contemplado com o valor bimestral de R$ 50 todos os segurados do Bolsa Família que tiveram os dados atualizados no Cadastro Único. O projeto terá um investimento de R$ 4 bilhões e será válido em todo o país.

A ideia é que seja uma ajuda bimestral, ou seja, a cada dois meses. E que possa garantir parte do valor do botijão de 13 kg. No entanto, o projeto ainda está em análise e precisa do aval do presidente.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA