Interessado no empréstimo do CAIXA Tem? Estas dicas vão te ajudar a não cair em uma cilada!

O novo programa de pequenos empréstimos da Caixa, através do aplicativo Caixa Tem, poderá ser contratado por até 100 milhões de pessoas que se enquadram nos requisitos. No entanto, como toda dívida, são necessários alguns cuidados para não se enrolar financeiramente.

Interessado no empréstimo do CAIXA Tem? Estas dicas vão te ajudar a não cair em uma cilada! (Imagem: Valor Investe)

A nova linha de microcrédito contará com valores de R$ 300 e R$ 1.000, com taxa de juros de 3,99% ao mês e pagamento em até 24 vezes. E poderá ser contratada pelo cliente diretamente pelo aplicativo. 

A oferta do crédito estará liberada para qualquer pessoa que use aplicativo Caixa Tem e que já tenha feito a atualização cadastral, tendo sua conta transformada de Poupança Social Digital Caixa para Poupança Digital+. Porém, beneficiários do Bolsa Família não estão elegíveis.

Todas as propostas serão submetidas à análise de risco de crédito na Caixa e o nome não poderá estar negativado junto ao Serasa e ao SPC.

Autônomo (sem carteira de trabalho assinada), beneficiários de programas sociais e destinatários de políticas públicas de distribuição de renda e assalariados podem contratar o crédito.

“Antes de contratar, lembre-se de fazer as contas para ver se o valor das parcelas cabe no seu bolso, pois é importante manter o pagamento do empréstimo em dia para que sua vida financeira fique sempre organizada”, diz um aviso exibido no aplicativo.

Cuidados importantes antes de contratar um empréstimo

Problemas financeiros não se resolvem com dinheiro, mas com organização e estratégia certa. Nunca contrate um empréstimo simplesmente por que você tem “direito”.

Entenda qual é o problema específico que você pretende resolver com esse dinheiro emprestado e principalmente, o que aconteceu anteriormente que causou tal problema. 

Ou seja, a necessidade de mais dinheiro é decorrente de desorganização financeira? Ou é fruto de desemprego? Ou houve um descontrole ou foi por conta de compras por impulso?.

Se você não buscar resolver a raiz do problema, pegar dinheiro emprestado só vai agravar sua situação em um futuro bem próximo. Por isso, crie um orçamento e controle os gastos.

Atente-se também à taxa de juros. Uma taxa de 3,99% ao mês é uma taxa bem cara se comparada com as taxas praticadas por outros bancos para empréstimos pessoais não consignados.

Sempre verifique o relatório estatístico do site do Banco Central para conferir quais são as taxas que outros bancos estão praticando e busque alternativas mais baratas. 

Analise todos os custos, atentando-se não só ao valor das parcelas, mas também à existência de tarifas, seguros, etc. Além disso, multiplique o valor da parcela pelo prazo e certifique-se do valor total a ser pago ao final do contrato. 

Por fim, pense em ideias para gerar renda extra e complementar a sua renda mensal. Você pode conversar com os outros membros da sua família para que eles também ajudem. Assim, você conseguirá não só colocar as contas em dia mais rapidamente como também quitar o empréstimo antes do prazo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Karem Ochsendorf
Formada em Engenharia Elétrica com ênfase em Telecomunicações, e graduanda em Filosofia. Atualmente, trabalha como Educadora Financeira com mais de 10 anos de experiência no mercado. No FDR, possui sua própria coluna com dicas e orientações sobre como lidar com as finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA