COVID-19: Rio autoriza eventos de pessoas sem máscaras; como vai funcionar?

A Prefeitura do Rio de Janeiro (RJ) autorizou a realização de três eventos de grande porte na cidade durante o mês de outubro. Reunindo um público de até cinco mil pessoas, será uma espécie de teste para observar o comportamento e efeito de pessoas sem máscara e sem distanciamento social. 

COVID-19: Rio autoriza eventos de pessoas sem máscaras; como vai funcionar?
COVID-19: Rio autoriza eventos de pessoas sem máscaras; como vai funcionar? (Imagem: Visionhaus)

Na verdade, serão permitidas duas festas com um público de até cinco mil pessoas, sendo uma em espaço aberto no Centro da cidade e outra situada no Alto da Boa Vista. A terceira festa trata-se de um aniversário na Zona Sul do Rio de Janeiro, que receberá 500 pessoas. 

A particularidade é que, nestes eventos, será obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação, bem como o teste de Covid-19 com resultado negativo, feito com 48 horas de antecedência.

Na oportunidade, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que uma série de pedidos para a realização de eventos já foram feitos por organizadores, e seguem aguardando a análise da pasta. 

Conecte SUS: Cadastro, Login e Consulta de Exames e Serviços no App (Cartão e Vacina)

A secretaria explicou que, são autorizados somente aqueles eventos que apresentarem o protocolo sanitário completo, e que se comprometem a exigir os documentos mencionados de todos os que se fizerem presentes na ocasião.

Portanto, os eventos no Rio de Janeiro poderão acontecer somente se todos os participantes apresentarem o comprovante de vacinação e fizerem o teste de Covid-19. Se o teste apresentar um resultado positivo, fica barrada a entrada desse cidadão no evento. 

A SMS ainda fez questão de ressaltar que esta retomada só é possível em virtude da melhora no quadro epidemiológico da cidade, com a redução no índice de ocupação dos leitos, bem como a queda do número de registros da doença. Em suma, o cenário começou a se estabilizar em devido ao andamento da campanha de vacinação contra a Covid-19 na cidade. 

É importante ressaltar que na situação da população em geral na falta do teste negativo para Covid-19, permanece obrigatório as medidas restritivas básicas como o uso de máscara facial de proteção sob a boca e o nariz, bem como o distanciamento de, no mínimo, um metro.

Um evento teste já foi realizado no estádio do Maracanã esta semana, consiste no jogo do Flamengo contra o Barcelona de Guayaquil na semifinal da Copa Libertadores da América. 

Cerca de 1% do público que tentou comparecer ao evento testou positivo para Covid-19, logo não puderam entrar no estádio. Este percentual equivale a, aproximadamente, 180 pessoas.

O Botafogo também teve o jogo liberado com a presença do público nas arquibancadas no próximo domingo, 16, no Engenhão. Na ocasião, os mesmos protocolos de segurança sanitária devem ser respeitados. O uso de máscara continua obrigatório. 

De acordo com Carlos Alberto Oliveira, membro do Comitê Científico da prefeitura e pesquisador da Uerj, o Comitê enxerga uma constante sustentável no cenário da pandemia no RJ.

“Queda de internamento, casos graves diminuindo e óbitos caindo nos dão muita tranquilidade que continuemos avançando no processo de retomada das atividades esportivas, culturais que já estavam previstas, inclusive em decreto da prefeitura”, ressaltou.

Laura AlvarengaLaura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.
Sair da versão mobile