Programa Potência Negra oferece cursos gratuitos com inscrições até outubro

5 cursos gratuitos com 100 vagas estão sendo oferecidas no Programa Potência Negra, as qualificações são voltadas ao afroempreendedorismo. Veja os cursos ofertados e como participar.

Programa Potência Negra oferece cursos gratuitos com inscrições até outubro
Programa Potência Negra oferece cursos gratuitos com inscrições até outubro (Imagem/Reprodução: Sebrae)

Promover o aumento das empresas criadas por pessoas negras, esse é o objetivo do Programa Potência Negra.

Uma parceria entre o Sebrae e a Subsecretaria de Promoção de Igualdade Racial (Supir).

“O afroempreendedorismo é um importante eixo do Programa Potência Negra, já que possibilita novas oportunidades para a população negra que tem o talento de empreender, criar, sonhar e administrar seu próprio negócio”, destaca o secretário municipal de Direitos Humanos, Raphael Costa.

As oportunidades são ofertadas em Niterói e contarão com o ensino híbrido.

Cursos gratuitos do Potência Negra

Os cursos são voltados a temas importantes para o empreendedorismo, como:

Planejamento de Negócios, Técnica de Vendas, Gestão de Microempreendedor Individual (MEI), Ação Empreendedora, Expansão de Negócios e Fluxo de Caixa.

As aulas serão iniciadas em 5 de outubro e vão até 12 de dezembro, das 13h às 17h. Após a conclusão das formações os alunos terão a oportunidade de participar de feiras de afroempreendedorismo que estão sendo organizadas pela Supir.

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail [email protected] até o dia 30 de setembro.

Além disso, o programa também é voltado a inserção de jovens no mercado de trabalho, à oferta de cursos profissionalizantes, empreendedorismo negro e incentivo à diversidade no setor privado.

“Há uma demanda na cidade pelo fomento ao empreendedorismo, que também gera emprego e renda. Este projeto, viabilizado a partir da parceria com o Sebrae, representa um avanço para a população negra da cidade”, reforça a subsecretária de Igualdade Racial, Glória Anselmo.

Iniciativas como essa são extremamente importe, pois, historicamente falando o Brasil já registra um número menor de negros inseridos no mercado de trabalho.

E a pandemia veio agravar ainda mais essa situação, é o que aponta os dados do IBGE, que mostram que nos 3 primeiros meses da pandemia em 2020 a taxa de desemprego no Brasil ficou da seguinte forma:

Negros somavam 17,8% e, pardos 15,4%, enquanto foi de 10,4% para os brancos.

Fique bem informado com a editoria de carreiras do FDR .

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA