PayPal analisa lançar plataforma que servirá de compra e venda de produtos

O PayPal, empresa de pagamentos, deve lançar nas próximas semanas um novo serviço que permitirá a negociação de ações por usuários da plataforma. A plataforma contratou recentemente Rich Hagen, veterano do setor de finanças que trabalhava em uma empresa de investimentos. 

PayPal analisa lançar plataforma que servirá de compra e venda de produtos
PayPal analisa lançar plataforma que servirá de compra e venda de produtos (Imagem PayPal)

De acordo com o perfil do profissional no LinkedIn, Rich agora é CEO da Invest at PayPal, uma divisão da PayPal que ainda não foi apresentada de forma oficial.

A empresa já teria iniciado os contatos com possíveis parceiros da indústria, porém, de acordo com fontes consultadas pela CNBC, dificilmente o serviço será lançado ainda este ano. 

Tendência de mercado

Este movimento do PayPal em direção ao mercado de ações vem na esteira do crescimento no interesse por aplicativos de corretoras e plataformas de gerenciamento e negociação na Bolsa de Valores. 

O aplicativo de finanças Robinhood, que se tornou conhecido no início deste ano pelas movimentações financeiras envolvendo a GameStop, ficou famoso e estimulou ou ampliou o interesse das pessoas que tinham medo de investir. 

A integração com a conta do PayPal, muito popular em mercados como Estados Unidos para a transferências diretas e pagamentos pela internet, seria uma maneira de bater de frente com esses novos serviços. O PayPal passou também a trabalhar com criptomoedas a pouco tempo.

PayPal

PayPal é uma empresa de pagamentos online situada em São José, na Califórnia, Estados Unidos. Fundada em 1998 por Peter Thiel e Max Levchin, opera internacionalmente e é uma das maiores do ramo por ser capaz de realizar pagamentos rápidos e auxiliar em envios de dinheiro.

Quatro anos após sua fundação, em 2002, a empresa teve sua oferta pública inicial (IPO) a US$ 13 por ação, captando US$ 61 milhões.

Em Julho do mesmo ano foi adquirida pelo site de compras online eBay, que havia incorporado a empresa de pagamentos online Billpoint três anos antes, tornando-se subsidiária do mesmo. A aquisição foi no valor de US$ 1,5 bilhões, com uma valuation de 23% por ação, ou 77% acima do preço da IPO.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

PayPal analisa lançar plataforma que servirá de compra e venda de produtos

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA