Semana do Brasil: Promoções começam dia 3 e valem até o próximo dia 13

Pontos-chave
  • Semana do Brasil começa nesta sexta-feira, 3;
  • Ação é promovida pelo Governo Federal;
  • Semana de descontos foi criada em 2019.

Entre os dias 3 e 13 de setembro, é realizada a Semana do Brasil, período de promoções especiais que tem o objetivo de estimular as vendas do comércio. A ação é promovida pelo Governo Federal juntamente com o Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV).

Semana do Brasil: Promoções começam dia 3 e valem até o próximo dia 13
Semana do Brasil: Promoções começam dia 3 e valem até o próximo dia 13 (Imagem: Luciano Claudino/Código 19/Estadão Conteúdo)

Neste ano o lema “Vamos em frente, com cuidado e confiança”, foi mantido, porém é esperado um impacto comercial maior que em 2020. No ano passado, as vendas no período cresceram 10% no comércio presencial e 25% nas vendas pela internet.

A Secretaria de Comunicação (Secom) do governo federal, disse em nota que a Semana Brasil “tem como propósito estimular o varejo por meio de concessão de descontos e demais condições vantajosas ao consumidor”.

O órgão espera “resultados ainda melhores para a economia tendo em vista o gradual retorno à normalidade, com a recuperação da renda e do consumo no país”.

“Os indícios são favoráveis, pois, de um lado, temos os consumidores querendo voltar às lojas e, do outro,  lojistas que querem vender seus estoques e que também apostam em iniciativas de apoio ao varejo para a retomada dos negócios”, destacou a ACSP (Associação Comercial de São Paulo), que apoia a ação.

Marcelo Silva, presidente do IDV, afirmou que a semana de promoções está entrando no calendário do comércio e na mente dos compradores.

Ele diz que a Semana Brasil ainda não tem o mesmo peso de outras datas especiais do comércio, no entanto já ajuda a impulsionar o desempenho das vendas em setembro, mês que costuma ser mais fraco.

“Setembro é o mês da Independência e está entre o Dia dos Pais e o Dias das Crianças. Sempre foi um período de queda no consumo em vários segmentos de mercado. Porém, nos últimos dois anos, essa realidade mudou, ainda que timidamente. Em 2021, a nossa expectativa é que haja ainda mais adesão à Semana do Brasil”, disse o presidente do Sindcomércio do Vale do Aço, José Maria Facundes.

Adesão das empresas 

O IDV está fazendo o convite para as entidades varejistas e lojistas participarem da ação, porém disse que apenas durante a semana especial de descontos que será possível mensurar a adesão exata. 

As ofertas oferecidas dependem dos estabelecimentos participantes da ação. Costumam participar da Semana Brasil os pequenos, médios e grandes varejistas, além de prestadores de serviços. Lojistas, hotéis e companhias aéreas, disse o IDV. 

Marcelo Silva reafirma que é preciso encarar a semana de descontos como um evento “puramente comercial”.

“O governo federal participa do ponto de vista institucional. A semana é puramente comercial, não tem caráter político-partidário”, disse o presidente do IDV. 

Boa Vista prorroga decreto que flexibiliza comércio no município
Comércio na Semana do Brasil(Imagem: Nilzete Franco/FolhaBV)

Semana do Brasil 

A semana de descontos foi criada em 2019 inspirada no varejo dos EUA, que costuma realizar promoções especiais em feriados históricos. A ação acontece na semana do 7 de setembro e sua divulgação é feita pelo governo federal. Toda divulgação será iniciada ainda esta semana nas rádios, TVs, internet e mídia exterior.

Também é disponibilizado pelo governo todo o material publicitário para os lojistas que querem participar da ação no site da Semana Brasil. 

É possível baixar, por exemplo, os banners que podem ser colados nas lojas. O material também está disponível no site desenvolvido pelo IDV para a campanha. 

“A campanha ocorre sempre nas proximidades da comemoração da independência do Brasil e também busca aludir aos símbolos nacionais e ao sentimento pátrio”, disse a Secom.

O governo disse que a Semana Brasil é pautada por 3 pilares: colaboração, otimismo e oportunidade.

Dicas para lojistas

José Maria disse que assim como a Black Friday, na Semana do Brasil não é recomendado que o empresário conceda descontos aleatórios.

“A nossa orientação ao lojista é escolher um item de alto valor agregado ou muito desejado, abaixando consideravelmente o seu preço. Será este produto que chamará atenção para a loja e, consequentemente, forçará a saída de outras mercadorias”, explicou.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4
Total de Votos: 1

Semana do Brasil: Promoções começam dia 3 e valem até o próximo dia 13

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA