Piso e teto do salário do INSS passarão por reajustes com Orçamento de 2022

Governo federal envia pasta orçamentária de 2022 e altera valores do INSS. Nessa terça-feira (31), o Ministério da Economia finalizou o projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA). Com isso, o salário mínimo deverá ficar em R$ 1.069, R$ 69 a mais que o atual valor, gerando assim mudanças nos benefícios previdenciários.

Piso e teto do salário do INSS passarão por reajustes com Orçamento de 2022 (Imagem: Reprodução/ ES Brasil)
Piso e teto do salário do INSS passarão por reajustes com Orçamento de 2022 (Imagem: Reprodução/ ES Brasil)

Com a chegada do segundo semestre, o governo federal passa a se organizar para definir o orçamento de 2022. Para os segurados do INSS, seus salários podem ser acrescentados em R$ 60. Isso implica dizer que o piso previdenciário ficará em R$ 1.169 e o teto em R$ 6.843.

Como o salário mínimo impacta no INSS?

A mudança no valor das pensões e aposentadorias ocorre porque o piso nacional é utilizado como base para definir o valor dos benefícios previdenciários. A lei garante que todos os abonos concedidos pelo INSS precisam ser igualados com o salário mínimo em vigor.

Dessa forma, a cada R$ 1 real acrescentado, o governo federal passa a ter uma nova despesa de milhões. Isso porque, todos os vinculados a previdência passarão a ser contemplados com o reajuste.

A nova proposta de reajuste ainda deverá ser validada pelo Congresso para posteriormente ser implementada. Ainda não há uma previsão de aceitação por parte dos parlamentares, mas as mudanças em si serão adotadas a partir de janeiro do próximo ano.

Cálculo do valor do INSS

Média de faixas de salário Valor da parcela do benefício (2021)
Até R$ 1.683,74 Multiplica-se a média por 0,8 (80%)
De R$ 1.683,74 a R$ 2.806,53 Se ultrapassar R$ 1.683,73 multiplica-se por 0,5 (50%) e soma a R$ 1.347,00
Acima de R$ 2.806,53 A parcela será de R$ 1.909,34

Lista dos benefícios com o salário do INSS reajustados

  • Aposentadoria da Pessoa com Deficiência por Tempo de Contribuição
  • Aposentadoria especial por tempo de contribuição
  • Aposentadoria por Idade Rural
  • Aposentadoria por Idade Urbana
  • Aposentadoria por tempo de contribuição do professor
  • Aposentadoria por Tempo de Contribuição (apenas para segurados incluídos na regra de transição)
  • Aposentadoria por invalidez
  • Auxílio-Acidente
  • Auxílio-doença
  • Auxílio-Reclusão Rural
  • Auxílio-Reclusão Urbano
  • Solicitar Auxílio-Doença da Aeronauta Gestante
  • Benefício assistencial ao trabalhador portuário avulso
  • Benefício assistencial à pessoa com deficiência (BPC)
  • Pensão especial da síndrome da Talidomida
  • Pensão por Morte Urbana
  • Pensão por Morte Rural
  • Pensão especial por hanseníase
  • Pensão especial destinada a crianças com Síndrome Congênita do Zika Vírus
  • Salário maternidade
  • Salário Família
  • Seguro-desefo pescador artesanal
  • Aposentadoria da Pessoa com Deficiência por Idade

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 17

Piso e teto do salário do INSS passarão por reajustes com Orçamento de 2022

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA