Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial

Os beneficiários do Bolsa Família foram os primeiros a receberem a quinta parcela do auxílio emergencial. O primeiro depósito da prorrogação para este grupo foi efetuado no dia 18 de agosto, última quarta-feira. 

Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial
Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial. (Imagem: Reprodução/G1)

Ao incluir o Bolsa Família como grupo elegível ao auxílio emergencial ainda em 2020, o Governo Federal através do Ministério da Cidadania decidiu manter o esquema de pagamentos do programa original.

Sendo assim, os depósitos são efetuados de acordo com o dígito final do Número de Identificação Social (NIS), sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês. 

Sendo assim, nesta semana receberam o auxílio emergencial os beneficiários do Bolsa Família com NIS final 1, 2 e 3. No sábado e domingo, 21 e 22, respectivamente, o calendário terá uma pausa, sendo retomado na próxima segunda-feira, 23, com o NIS final 4. E assim seguirá o cronograma gradativamente, até que seja concluído no dia 30 de agosto.

Valor do auxílio emergencial 

Neste ano, o Governo Federal precisou alterar a quantia oferecida aos beneficiários para que o programa pudesse ser renovado de acordo com o Orçamento da União.

Desta forma, as parcelas que antes eram de R$ 600 e R$ 300, com cota dobrada para as mães solteiras chefes de famílias monoparentais, R$ 1.200 e R$ 600, respectivamente, passaram a ter três variações. 

O auxílio emergencial de 2021 paga R$ 150 para quem mora sozinho, R$ 250 para os responsáveis por grupos familiares e R$ 375 para as mães solteiras chefes da família. A quantia depende do perfil apresentado pelo beneficiário no ato da inscrição. 

Pagamento do auxílio emergencial 

Em 2020, a Caixa Econômica começou pagando o auxílio emergencial diretamente nas contas poupanças ou correntes da própria instituição. Contas de outros bancos indicadas durante a inscrição também foram aceitas. Este modelo inicial levou milhares de brasileiros às ruas em busca do saque em espécie dos valores. 

Esta atitude foi completamente contrária às recomendações sanitárias de distanciamento e isolamento social decorrentes da pandemia da Covid-19. As filas nas portas das agências eram extensas e duradouras, motivo pelo qual a Caixa decidiu unificar os pagamentos por meio da conta poupança social digital do Caixa Tem. 

A plataforma é inteiramente gratuita, permitindo que o beneficiário utilize o auxílio emergencial em transações individuais de R$ 600, diárias de R$ 1.200 e mensais de R$ 5 mil Além do mais também é possível utilizar uma série de ferramentas e serviços sem pagar as tradicionais taxas cobradas por muitos bancos. O Caixa Tem permite: 

  • Pagar boletos online; 
  • Realizar pagamentos na Casa Lotérica; 
  • Fazer recarga de telefone celular vinculado a qualquer operadora; 
  • Contratar o Seguro Apoio Família; 
  • Obter dicas financeiras; 
  • Realizar compras online com o cartão de débito virtual;
  • Realizar compras presenciais mediante a leitura do QR Code emitido pela máquina de cartão do estabelecimento comercial;
  • Informar os rendimentos de pessoa física; 
  • Consultar o Número de Identificação Social (NIS); 
  • Consultar o Bolsa Família;
  • Receber o Seguro Desemprego; 
  • Fazer transferências via TED e DOC;
  • Fazer transferências e efetuar pagamentos com a chave PIX; 
  • Consultar o extrato de movimentação da conta poupança.
Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial
Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial.(Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Calendário completo do auxílio emergencial para o Bolsa Família

NIS final 1ª parcela 2ª parcela 3ª parcela 4ª 

parcela

5ª parcela 6ª 

parcela

parcela

1 16/04 18/05 17/06 19/07 18/08 17/09 18/10
2 19/04 19/05 18/06 20/07 19/08 20/09 19/10
3 20/04 20/05 21/06 21/07 20/08 21/09 20/10
4 22/04 21/05 22/06 22/07 23/08 22/09 21/10
5 23/04 24/05 23/06 23/07 24/08 23/09 22/10
6 26/04 25/05 24/06 26/07 25/08 24/09 25/10
7 27/04 26/05 25/06 27/07 26/08 27/09 26/10
8 28/04 27/05 28/06 28/07 27/08 28/09 27/10
9 29/04 28/05 29/06 29/07 30/08 29/09 28/10
0 30/04 31/05 30/06 30/07 31/08 30/09 29/10

É importante ressaltar que, ao contrário do público geral, o Bolsa Família possui um único calendário. Portanto, é possível fazer movimentações online, realizar saques e transferências no mesmo dia em que as parcelas são depositadas no Caixa Tem. 

https://www.youtube.com/watch?v=KV0yDEOZEP4&t=17s&ab_channel=FDR-Finan%C3%A7as%2CDireitos%2CRenda

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 24

Bolsa Família: pagamentos da 5ª, 6ª e 7ª parcelas do auxílio emergencial

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA