Auxílio emergencial: Governo revisa cadastros e libera benefício para 110 mil mulheres

Cerca de 110 mil mulheres chefes de família monoparental vão receber o Auxílio Emergencial 2021. Segundo o Ministério da Cidadania, os pagamentos foram liberados após um reprocessamento dos cadastros.

Auxílio emergencial: Governo revisa cadastros e libera benefício para 110 mil mulheres
Auxílio emergencial: Governo revisa cadastros e libera benefício para 110 mil mulheres (imagem FDR)

Os pagamentos serão efetuados amanhã, 6, e as mães receberão todas as parcelas que tem direito, de maneira retroativa e em apenas uma transferência em sua conta social digital da Caixa. Cada parcela tem o valor de R$375. Ao todo, será pago um montante de R$82,24 milhões.

No caso das mulheres que recebem Bolsa Família, os pagamentos são feitos seguindo o calendário original do programa.

Como consultar 

Para fazer uma consulta a situação de seu benefício, entre no aplicativo ou site do auxílio ou no site Consulta Auxílio.

O Ministério explicou que com o desbloqueio do benefício para 110 mil mulheres, ainda faltam 27 mil cadastros que ainda estão em processo.

Auxílio emergencial 2021

O valor médio do benefício neste ano é de R$250. A exceção fica para mulheres chefes de família monoparental, que recebem R$ 375, e para os pessoas que moram sozinhas (família unipessoal), que ganham R$ 150.

Em casos de mães monoparental, recebem o Auxílio Emergencial a mulher chefe de família sem marido ou companheiro com, no mínimo, uma pessoa em casa menor de 18 anos.

Calendário de pagamentos 

A Caixa Econômica liberou hoje, 5, os saques e transferências da quarta parcela do auxílio para os beneficiários que não pertencem ao Bolsa Família, que nasceram no mês de abril e que recebem a parcela em poupança social digital no dia 21 de julho.

Os pagamentos da quarta parcela do auxílio terminaram no dia 30 de julho para este público e também para quem recebe Bolsa Família.

Nas quatro parcelas do Auxílio Emergencial deste ano pagas até julho, os benefícios somaram um montante de R$ 34,7 bilhões, englobando todos os públicos. De acordo com o Ministério da Cidadania, são mais de 39 milhões de famílias aptas a receber.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Auxílio emergencial: Governo revisa cadastros e libera benefício para 110 mil mulheres

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA