Comércio de Campo Grande (MS) estima alta de 20% nas vendas do Dia dos Pais

Em Campo Grande, a expectativa para as vendas do Dia dos Pais são animadoras. De acordo com o levantamento realizado pela Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (Acicg) o setor projeta uma alta entre 10% e 20% nas vendas para a data quando comparado com 2020.

Comércio de Campo Grande (MS) estima alta de 20% nas vendas do Dia dos Pais
Comércio de Campo Grande (MS) estima alta de 20% nas vendas do Dia dos Pais (Imagem: Nilzete Franco/FolhaBV)

O levantamento foi realizado entre os dias 6 e 27 de julho e contou com a participação de empresários dos setores de vestuário, perfumaria, acessórios e tecnologia.

Grande parte dos entrevistados, 72% do total de empresários, disse que espera registrar um aumento nas vendas este ano e 4% dos lojistas acreditam que o gasto com o presente em 2021 será maior que R$100.

Este otimismo está levando o comércio a contratar funcionários especialmente para o Dia dos Pais. Este é a vontade de 16% dos comerciantes que desejam contratar funcionários extra e investir em divulgação.

A Acicg disse que o levantamento mostra que o setor está se reinventando para manter o otimismo com a melhora nas vendas em um cenário ainda difícil.

Em 2020, 64% das empresas tinham a expectativa de vender mais que em 2019, e este ano, já são 72% dos empresários com esperança de superar as vendas de 2020.

“O comércio da nossa cidade está preparado, cumprindo todos os protocolos de biossegurança para atender seus clientes de forma segura. Assim, pedimos à população que prestigie o comércio local e contribua para movimentar a nossa economia”, disse o presidente da ACICG, Renato Paniago.

Campo Grande inclui novo grupo como isento do IPTU

Em Campo Grande, os donos de imóveis que realizam tratamento de câncer, terão isenção no pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Segundo a regulamentação, a isenção será concedida somente aos proprietários que estão em tratamento de câncer. E que no momento da solicitação do benefício puderem comprovar uma renda de até dois salários mínimos, e não desenvolvem atividade econômica e possuem somente um imóvel na capital.

Também é exigido que o imóvel esteja registrado no Cadastro Imobiliário do Município e averbado em nome da pessoa portadora da doença.

Os requerentes devem apresentar também um laudo pericial, emitido por um médico que confirme o tratamento. Quem não solicitar a isenção fiscal dentro do período determinado não terá direito a isenção no exercício que deixou de pedir.

Para pessoas curadas ou que vierem a falecer, a isenção do pagamento do tributo será encerrada.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Comércio de Campo Grande (MS) estima alta de 20% nas vendas do Dia dos Pais

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA