Dicas para proteger seus dados e sua conta nos sites e aplicativos de bancos

Quando roubam celulares, por mais que esses possuam senhas, os criminosos têm conseguido esvaziar contas bancárias. Acessando os aplicativos de bancos instalados nos aparelhos. 

Dicas para proteger seus dados e sua conta nos sites e aplicativos de bancos
Dicas para proteger seus dados e sua conta nos sites e aplicativos de bancos (Foto: Mundo Hacker)

Após os relatos do novo golpe e das alertas feitas por instituições como Procon-SP, e pela própria Federação Brasileira de Bancos (Febraban), separamos algumas dicas para manter seus aplicativos e senhas de banco seguros.

Roubo 

Os furtos costumam ser realizados em vias públicas ou no trânsito, durante o uso do celular pelas pessoas.

Assim, os criminosos têm acesso ao aparelho já desbloqueado, isso permite buscar as senhas ou dados pessoais armazenados pelos próprios usuários no smartphone, sites e email.

Tudo para tentar entrar nos aplicativos de bancos e limpar o dinheiro das contas das vítimas ou fazer empréstimos.

Como proteger seus dados dos bancos?

Com esse golpe é fundamental que os cidadãos redobre sua atenção com as configurações de segurança do celular e dos aplicativos.

Já que os aparelhos acabam guardando muitas informações. Em alguns casos permite que os criminosos recuperem ou mudem as senhas dos aplicativos de bancos, usando dados guardados em e-mails, redes sociais ou outras ferramentas disponíveis no telefone.

A Febraban recomenda que:

  • Use sempre uma configuração de bloqueio da tela de início do celular e opte pela opção de bloqueio automático mais rápida (30 segundos, por exemplo);
  • Mantenha o sistema operacional do celular atualizado e verifique sempre se há atualizações de aplicativos pendentes;
  • Nunca utilize o recurso de “lembrar/salvar senha” em navegadores e sites;
  • Jamais anote senhas em blocos de notas, e-mails, mensagens de WhatsApp ou outros locais do celular;
  • Procure usar senhas fortes e não repetir o código de acesso ao seu banco para uso em outros aplicativos, email ou sites de compras;
  • Utilize ferramentas de segurança adicionais como biometria, reconhecimento facial e dupla autenticação (a segunda senha) em apps e também o email;
  • Nas configurações do aparelho, desative as notificações e funções que são exibidas independentemente do bloqueio de tela inicial;
  • Coloque um PIN também no chip do celular. Dessa forma, se o aparelho for reiniciado, será necessário inserir o código pessoal para uso da linha e envio e recebimento de SMS.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.