Banco Neon anuncia cashback para compras no cartão de débito

Buscando inovar mais uma vez, o Banco Neon lançou o cashback no cartão de débito. O famoso dinheiro de volta em compras com cartão de crédito é comum mas no débito é uma novidade. Saiba mais.

Banco Neon anuncia cashback para compras no cartão de débito
Banco Neon anuncia cashback para compras no cartão de débito (Imagem: Divulgação/Neon)

O sistema de retorno utilizado pelo Neon é bem simples, bastando que o cliente utilize o cartão para receber uma porcentagem do dinheiro gasto de volta. A taxa é de 0,5% em compras feitas com valores maiores a R$ 1.

Cashback através do aplicativo 

Caso o usuário realize uma compra de R$500 no débito, ele tem direito a 2,5 pontos, valor equivalente a R$2,50. Cada ponto no Neon vale R$1 real.

O cashback deve ser contratado no aplicativo, mas, será cobrado R$4,50 para que o cliente tenha acesso ao programa.

Esta novidade representa um grande diferencial para o mercado de cartões que está muito concorrido. Ao oferecer cashback para compras no débito, o Neon deve se destacar ainda mais perante a concorrência. Para ter acesso ao cartão de débito é preciso abrir uma conta digital no banco.

O Neon aproveitou o lançamento da novidade para destacar as facilidades do banco na vida das pessoas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
imagem do cartão
Você foi selecionado para ter um cartão de crédito, sem anuidade hoje mesmo.
Faça sua aplicação!
277 pessoas solicitando no momento...

“Cansamos de pagar pelo que não usamos, perder horas em filas, ir até a agência e ouvir blá blá blá de banco tradicional“, diz a empresa em seu site oficial. O banco é um grande player do mercado, possuindo qualidades que sem dúvida o diferenciam da concorrência.

Neon

Seguindo a estratégia de outros bancos digitais, o Neon, primeira conta totalmente digital do país, não cobra taxas para abertura, manutenção mensal e portabilidade de salário.

A fintech também aderiu ao PIX, solução de pagamentos do BC e oferece transferências gratuitas através da ferramenta ou as tradicionais TEDs.

Bancos Digitais crescem no país

Uma reportagem do Distrito Fintech Report, apenas em 2020, as fintechs cresceram 34%. A permissão da Receita para que os valores da restituição do IR sejam recebidos em contas digitais, vem para acompanhar esse novo momento do mercado, já que ao que tudo indica, as fintechs estando cada vez mais sólidas.

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.